Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 11 de agosto de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Projeto de Marçal Filho beneficia agricultores

1 Mar 2010 - 10h55Por Fátima News com Assessoria

A Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados avalia Projeto de Lei (PL) de autoria do deputado Marçal Filho (PMDB) que altera o Código de Trânsito Brasileiro e cria uma autorização especial de trânsito para máquinas de grandes dimensões empregadas em atividades agrícolas, de construção ou de pavimentação. A autorização especial de trânsito terá, se aprovado o PL, o prazo de validade de um ano.

Na justificativa do Projeto de Lei, Marçal pondera que o inciso 4º do art. 115 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece que estão sujeitos ao registro e licenciamento do órgão competente, desde que lhes seja facultado transitar nas vias, todos os aparelhos automotores destinados a puxar ou arrastar maquinaria de qualquer natureza ou a executar trabalhos agrícolas e de construção ou de pavimentação. Esse dispositivo legal encontra-se atualmente regulamentado pela Resolução nº 281, de 26 de junho de 2008, editada pelo Conselho Nacional de Trânsito e que entrou em vigor 1º de janeiro de 2010.

 

“Apesar da Resolução (do CONTRAN) estabelecer critérios para o registro desses tratores colheitadeiras, pulverizadores, pás carregadeiras, motoniveladoras, compactadores e outros, atualmente apenas os guindastes autopropelidos ou sobre caminhões podem receber autorização especial de trânsito, concedida pela autoridade com circunscrição sobre a via, válida por seis meses”, explicou o parlamentar. “

Todos os demais veículos e máquinas pesados, caso ultrapassem os limites de peso e dimensão estabelecidos pelo CONTRAN, são obrigados a retirarem uma autorização especial específica para cada viagem a ser realizada”, observou Marçal, opinando que a obrigatoriedade de uma autorização específica para cada viagem acaba por dificultar ou, na maioria dos casos, inviabilizar o deslocamento desses veículos nas vias rurais, movimentação essencial para o desenvolvimento de diversos tipos de trabalhos agrícolas e de engenharia, entre outros.

“Em estados com a economia calcada na agricultura, como Mato Grosso do Sul, esse problema se agrava na época da safra, como estamos atravessando agora”, observou o parlamentar. Ele assinalou também as dificuldades para execução de obras de infra-estrutura publicas e privadas.

“Com a alteração que propomos, a autoridade com circunscrição sobre a via poderá, avaliadas todas as características do veículo, dos deslocamentos a serem realizados, da via e do trânsito local, conceder autorização especial de trânsito, com validade de até um ano, sem prejuízo de quaisquer exigências adicionais julgadas necessárias, tais como a presença de batedores, limitação de horário, proibição de tráfego noturno e outras já em vigor”, defendeu o deputado de Mato Grosso do Sul, referindo-se às medidas adicionais de segurança consideradas necessárias pela autoridade com circunscrição sobre a via, e que a ampliação do prazo máximo para concessão da licença, de seis meses para um ano, tem por objetivo padronizar essa autorização especial de trânsito com as demais previstas no CTB e nas resoluções do CONTRAN.

Após ser analisado pela Comissão de Viação e Transportes o projeto segue para apreciação da Comissão de Constituição e Justiça(CCJ).

Leia Também

NOITE DE TERROR
Moradores relatam medo vivido em confronto com oito mortos
ACIDENTE DE TRABALHO FATAL
Trabalhador morre soterrado ao fazer limpeza em silo de grãos
AGRESSÃO NA ESCOLA
Mulher invade escola e espanca aluna a pauladas
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil ultrapassa o número de 680 mil mortos pela doença
AUXÍLIO BRASIL AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio Brasil de R$ 600 e vale-gás saem hoje para mais um grupo
BRASIL + POBRE
Estudo mostra alta da pobreza em regiões metropolitanas
ESTERILIZAÇÃO
Senado aprova redução da idade mínima para realização de laqueadura
ASSUSTADOR
VÍDEO: Tromba d´água é registrada no Litoral e assusta moradores
TEMPESTADE
Temporal derruba teto de UTI covid em hospital e pacientes são transferidos às pressas
COVID NO BRASIL
Brasil registra 365 mortes e 30,2 mil casos de covid-19 em 24 horas