Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Vacinação contra febre aftosa termina no próximo domingo

25 Mai 2010 - 13h28Por Ministério da Agricultura

Os pecuaristas de Mato Grosso do Sul tem até o próximo domingo, dia 30 de maio, para vacinar o rebanho de bovinos e bubalinos contra febre aftosa. A data limite inclui o Planalto, Pantanal e a Zona de Alta Vigilância, na fronteira do Brasil com Bolívia e Paraguai.

Depois da aplicação da vacina o produtor deve comunicar a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) até o dia 15 de junho. Quem não apresentar a declaração ao órgão pode ser penalizado. A multa aplicada é de três Uferms -Unidade Fiscal Estadual de Referência- por cabeça, o que equivale hoje a R$ 42,69.

A diretora-presidente do Iagro, Maria Cristina Carrijo, pede que os pecuaristas “não deixem para a última hora”, pois as vezes não há tempo hábil para comunicar a agência. Cristina ressalta que a intenção do órgão não é multar e sim garantir que todo o rebanho de Mato Grosso do Sul seja imunizado.

Os proprietários de áreas na região pantaneira podem optar por vacinar no mês de maio ou novembro, em função da dificuldade de manejo do gado no período das cheias. Nos anos anteriores 98% do rebanho do Estado foi vacinado. Mato Grosso do Sul possui certificado de área livre de Febre Aftosa com vacinação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PESQUISA ELEITORAL
Ibope: Haddad cresce em todos os segmentos; Bolsonaro só entre os mais ricos
BARBÁRIE
Corpo de Adolescente desaparecida há 11 dias é encontrado em Lixão
NOVELA GLOBAL
Karola e Laureta viram inimigas mortais em ‘Segundo sol’, e traz sérias consequências para ambas
ALCOOLISMO
Menino de 9 anos é expulso de casa pela mãe alcoólatra por se recusar a roubar, no DF
LATROCINIO
Tentativa de assalto termina com pai morto e filho baleado
MENOR INFRATOR
Cobradora é apedrejada em assalto e adolescente é detido pela 4ª vez
FAMOSIDADES
Justiça condena Deborah Secco por desvio de dinheiro público
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo vai morar com mendigos e vira vizinho de Agenor
CLUELDADE
Por mãe estar sem o celular, ladrão dá facada em bebê de 3 meses
ECONOMIA
Mercado financeiro já trabalha para traçar cenários sem Bolsonaro