SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 23 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
30 de Agosto de 2004 16h53

Sífilis deve atingir 25 mil mulheres grávidas neste ano

 

A sífilis, doença sexualmente transmissível provocada por bactéria que causa úlceras genitais, deixando o paciente vunerável à contaminação pelo vírus HIV, causador da aids, deve atingir, neste ano, em todo o país, 25 mil mulheres grávidas. O alerta foi feito hoje pelo presidente regional da Sociedade Brasileira de Doenças Sexualmente Transmissíveis - regional Pernambuco, Carlos Alberto Sá Maques.

O ginecologista destacou que para deter o avanço da doença no país, será apresentada durante o I Congresso Brasileiro de Aids, que se realiza até quarta-feira (1), no Centro de Convenções de Pernambuco, uma proposta ao Ministério da Saúde para que lance campanha nos meios de comunicação, visando incentivar a detecção precoce, por meio do exame de sangue.

Ele disse que os atuais programas federais de prevenção à sífilis priorizam a mulher grávida, mas deixam de lado os parceiros, que normalmente são responsáveis pela transmissão da enfermidade. Destacou que a doença tem cura a partir de tratamento com penicilina.

" Um levantamento realizado pela Sociedade Brasileira de Doenças Sexualmente Transmissíveis, em Pernambuco constatou que nos últimos seis anos, em 74% dos casos de crianças que nasceram com sífilis, as mães tinham feito pré-natal, o que significa que o acompanhamento foi mal feito", afirmou o médico

Segundo dados do Programa estadual DST/AIDS da Secretaria Estadual de Saúde, de 1988 a 2003 o número de registros de sífilis em recém-nascidos subiu de 45 para 448.

A mulher que tem a doença pode abortar, ter óbito intra-uterino ou ainda dar a luz a filhos com má-formações cardíacas, oculares ou ósseas.

 

Agência Brasil

Comentários
Veja Também
HERBALIFE_300
Nossa_Lojas
MBO_SEGURANÇA_300
Últimas Notícias
  
REINO_MATRÍCULAS_2017
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.