Menu
SADER_FULL
quinta, 21 de março de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Reivindicação de professores não deve prejudicar alunos

24 Abr 2007 - 15h29
O governo do Estado está recomendando às escolas estaduais para que não prejudiquem o calendário de aulas dos alunos com a paralisação dos professores, que acontecerá esta semana, em virtude da reivindicação por salários melhores.
 
A secretária de Estado de Educação, professora Nilene Badeca da Costa, não quer que os alunos sejam prejudicados, pois o calendário de aulas já está definido. “Estamos recomendando aos gestores e diretores das escolas para que ponderem. A escola deve enviar um representante a Brasília. Mas os alunos não devem ficar sem aula”, enfatizou a secretária.
 
A Secretaria não autorizou a participação de alunos menores de 18 anos nas manifestações. Os professores estão se mobilizando para participar de uma “marcha nacional”, com o objetivo de reivindicar um piso salarial de R$ 1.050,00, em vez do piso de R$ 850,00 que o governo federal propôs.
 
 
Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESCASO
Bebê morre após parto feito pelo pai em ambulância sem médico
FAMOSIDADES
Aos 58 anos, atriz Tássia Camargo sofre infarto e está na UTI de Hospital em Portugal
ASSÉDIO SEXUAL
Homem é morto a tiros após assediar mulher casada
FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque
INTERNADO
Criança de 4 anos cai em poço de cinco metros de profundidade
RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos