Menu
SADER_FULL
segunda, 17 de dezembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Reivindicação de professores não deve prejudicar alunos

24 Abr 2007 - 15h29
O governo do Estado está recomendando às escolas estaduais para que não prejudiquem o calendário de aulas dos alunos com a paralisação dos professores, que acontecerá esta semana, em virtude da reivindicação por salários melhores.
 
A secretária de Estado de Educação, professora Nilene Badeca da Costa, não quer que os alunos sejam prejudicados, pois o calendário de aulas já está definido. “Estamos recomendando aos gestores e diretores das escolas para que ponderem. A escola deve enviar um representante a Brasília. Mas os alunos não devem ficar sem aula”, enfatizou a secretária.
 
A Secretaria não autorizou a participação de alunos menores de 18 anos nas manifestações. Os professores estão se mobilizando para participar de uma “marcha nacional”, com o objetivo de reivindicar um piso salarial de R$ 1.050,00, em vez do piso de R$ 850,00 que o governo federal propôs.
 
 
Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

ABUSO SEXUAL
João de Deus se entrega para a polícia
ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem