Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 22 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Barreiras sanitárias foram suspensas na fronteira

25 Out 2004 - 16h22
Desde a última sexta-feira, dia 22, as 15 barreiras sanitárias do Exército, que se encontravam na região de fronteira com o Paraguai, foram suspensas. Conforme explicações do gestor de defesa sanitária animal da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), Afonso Dutra de Oliveira, a fase crítica já passou.

“A ação, considerada de origem preventiva, pode-se dar por encerrada uma vez que todo o rebanho da região da fronteira, cerca de 400 mil animais localizados numa extensão de quatro municípios - Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos e Setes Quedas – já estão sendo vacinados”, comenta Afonso.

Ainda segundo ele a equipe do Iagro localizada na região de fronteira e que está acompanhando a vacinação nos quatro municípios - cerca de 50 técnicos do Iagro, mais quatro barreiras volantes, com três técnicos cada, e quatro barreiras fixas – é suficiente para garantir, nesse momento, a segurança naquela região.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai