Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 22 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Verdão amarga eliminação, mas derruba invencibilidade do Coritiba

12 Mai 2011 - 09h23Por Diário MS

O Pacaembu não foi palco de uma virada histórica: o Palmeiras fracassou na difícil missão de reverter a derrota da semana passada por seis gols de diferença contra o Coritiba e está eliminado da Copa do Brasil. Mas, ao menos, o Verdão alcançou um prêmio de consolação ao vencer nesta quarta-feira a sensação do futebol nacional por 2 a 0. Foi uma resposta às críticas dos últimos dias, tanto que o elenco deixou o gramado aplaudido.

O Palmeiras foi responsável por acabar com uma série de 24 vitórias seguidas do Coritiba - um recorde no futebol nacional. Ainda por cima, o campeão paranaense amargou o fim da invencibilidade em 2011.

O destaque positivo esteve para a presença da torcida, com quase 7 mil pessoas no Pacaembu apesar do boicote feito pelas organizadas - os palmeirenses torceram de forma honrosa pela equipe. Porém, antes de a bola rolar, a delegação alviverde sofreu um susto. Na região da Avenida Doutor Arnaldo (zona oeste da capital paulista), o ônibus do clube foi alvo de pedras que quebraram dois vidros. Nas imediações do Pacaembu, também houve um protesto de cerca de 100 integrantes de uma facção.

Agora, o Coritiba está nas semifinais da Copa do Brasil para enfrentar o surpreendente Ceará, responsável pela eliminação do Flamengo. Enquanto isso, o Palmeiras direciona as atenções para a estreia no Campeonato Brasileiro, dia 22 de maio, contra o Botafogo-RJ, São José do Rio Preto.

O Jogo - Apoiado pela torcida que foi ao Pacaembu, o Palmeiras iniciou a partida disposto a dar uma resposta, sobretudo em jogadas pela esquerda com Kleber. Mas novamente o Coritiba se mostrava perigoso na transição do meio para o ataque. Aos nove minutos, os visitantes criaram a primeira chance e só não marcaram pela intervenção do goleiro Marcos no arremate de Bill.

Mesmo com o susto, o Palmeiras não desistiu de tentar a vantagem. Apesar da técnica limitada no setor ofensivo, os donos da casa impunham a sua força física e passaram a incomodar na bola aérea. A defesa do Coritiba tinha trabalho com os cruzamentos de Marcos Assunção.

Arma no começo, o contra-ataque do Coritiba não funcionou a partir dos 20 minutos. Enquanto isso, o Palmeiras insistia em busca do gol. Mas, até o intervalo, o Alviverde criou apenas uma chance concreta, no chute de Kleber da entrada da área, que raspou o travessão.

Para a etapa complementar, o Palmeiras lamentou a perda de Wellington Paulista, que pediu substituição em virtude de uma pancada no ombro. Felipão tentou aumentar a velocidade do time com a presença de Adriano Michael Jackson ao lado de Kleber. A substituição deu certo.

Kleber não mediu esforços nesta quartaNo primeiro lance do segundo tempo, o Palmeiras balançou as redes. Com menos de 30 segundos, Gabriel Silva avançou pela esquerda e cruzou rasteiro. Adriano Michael Jackson furou na pequena área, mas Emerson tocou contra o próprio patrimônio, surpreendendo Edson Bastos.

O gol animou um pouco mais a torcida alviverde, que ainda vibrou com um chapéu de Marcos em Bill fora da área. O Palmeiras seguia com a pressão e, a partir dos 12 minutos, encontrou um adversário extremamente fechado depois da entrada do volante Marcos Paulo no lugar do meia Everton Ribeiro. O Coxa não conseguia armar contra-ataques.

A partir dos 18 minutos, a torcida paulista ganhou um novo combustí­vel para jogar ao lado do time. No intervalo de três minutos, comemorou a expulsão do atacante Bill e o segundo gol, marcado por Marcos Assunção, de falta.

O fim do jogo foi uma simples disputa do ataque do Palmeiras contra a defesa do Coritiba. Embora desorganizado, o Verdão insistiu até o fim, mas precisou se contentar com o triunfo por dois gols de diferença. Agora, resta pensar somente no Campeonato Brasileiro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro