Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 15 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Transporte aéreo de carga deve crescer no mínimo 16%

9 Abr 2011 - 10h32Por

o mercado nacional de transporte aéreo de carga deve ver expansão de no mínimo 16% este ano.

Com investimentos de R$ 571 milhões para o período de 2011 a 2015, a serem usados na construção de novos terminais de carga e na reforma e ampliação de terminais já existentes, além da aquisição de equipamentos e modernização de complexos logísticos, a Infraero estima que a tendência de forte incremento do transporte aéreo de cargas doméstico (ou seja, dentro das fronteiras do País), acompanhado também de uma expansão acentuada da importação de bens por avião - neste caso, por efeito de real valorizado.

Com isso, o mercado nacional de transporte aéreo de carga deve ver expansão de no mínimo 16% este ano.

Francisco Nunes, gerente de Planejamento e Desenvolvimento Logístico da Infraero Cargo, afirma que entre as obras previstas pela entidade, serão erguidos, por exemplo, complexos logísticos nos aeroportos de Brasília (DF) e Vitória (ES), bem como será ampliado o complexo logístico do aeroporto de Curitiba (PR).

Os 34 terminais de logística de carga da empresa movimentaram no ano passado 1,14 milhão de toneladas de produtos, incluindo importação, exportação e operações nacionais.

De olho no aumento da infraestrutura interna, empresas como a portuguesa TAP Cargo planejam crescer 18% no Brasil em 2011.

Para tanto, contará a partir de 12 de junho com a ajuda da mais nova rota local da empresa: 4 voos semanais entre Porto Alegre (RS) e Lisboa, que serão feitos com um Airbus A-330 - aeronave capaz de levar até 15 toneladas de carga em seu porão.

Com esta linha, a empresa passará a operar mais de 70 frequências semanais entre Brasil e Portugal.

"Em 2010, atingimos equilíbrio perfeito na operação: transportamos 17 mil toneladas de Portugal para o Brasil e outras 17 mil do Brasil para Portugal", diz Pedro Mendes, diretor da TAP Cargo brasileira.

O aeroporto de Lisboa é, na verdade, uma porta de entrada para as exportações nacionais destinadas à Europa: "Temos um avião cargueiro, fretado, capaz de alçar vôo levando até 40 toneladas de carga, que semanalmente sai de Lisboa rumo a Colônia e Frankfurt, cidades alemãs.

E ele sempre parte repleto de produtos brasileiros", conta Mendes. A Espanha é fortemente suprida de bens brasileiros via TAP Cargo.

Ano passado a companhia atingiu 94.200 toneladas de produtos e correio transportadas globalmente (24% mais do que em 2009). As exportações brasileiras conduzidas pela TAP Cargo cresceram 20% no período.

Iberia Cargo e Absa

Mas o que se carrega tanto do Brasil para a Europa? Produtos agrícolas. É claro, não só isto.

Há também itens semimanufaturados e algum maquinário neste fluxo, mas chama a atenção o peso das commodities alimentícias nas vendas nacionais para o Velho Continente.

"A Iberia Cargo é a mais lucrativa operação de carga da Iberia em toda a América Latina, devido ao volume dos embarques de frutas do nordeste para a Europa", revela Renata Benetti, colaboradora de Vendas de Cargas da empresa.

Desde fevereiro uma das principais rotas locais da empresa é um vôo que ocorre 3 vezes por semana no sentido Madri-Fortaleza (CE)-Recife (PE)-Madri, justamente devido ao forte segmento agrícola exportador nordestino.

Alexandre Silva, gerente de Vendas da Absa Cargo Airline, também comemora: "Em 2010 o faturamento de nossa empresa elevou-se em 80%, pois abrimos uma nova linha.

Neste ano acho que cresceremos algo próximo de 30%". Alexandre se recorda: "2009 foi o pior ano da história do transporte aéreo de cargas em todo o mundo, devido à crise econômica. Já 2010 foi um período de recuperação geral do setor".

TAM Cargo

A TAM Cargo acaba de lançar a embalagem Big Box Refrigerada. Trata-se de um caixote com 3 camadas de proteção (PVC, poliuretano e polipropileno corrugado), de base e acabamento em alumínio.

Dentro, um compartimento interno e independente acondiciona blocos de gel líquido ou gelo seco para a manutenção da temperatura. "A Big Box Refrigerada é um produto novo e uma evolução em nosso portfólio.

Ela é excelente para o transporte de itens perecíveis, que precisam de controle térmico, e foi criada segundo as melhores práticas ambientais, já que não usa baterias para regular a temperatura interna", afirmou Carlos Amodeo, diretor da TAM Cargo.

Em 2011 a TAM Cargo terá R$ 20 milhões na melhoria da infraestrutura de terminais e tecnologia.

Além disso, sua rota São Paulo-Manaus-São Paulo passará a ser operada 3 vezes por semana em Boeing 777, a partir do dia 19, o que aumentará em 90 toneladas a capacidade semanal de transporte de cargas da empresa nas cidades. A companhia também apresentou nesta semana o TAM Cargo Pré Pago.

Neste serviço, o cliente poderá adquirir uma embalagem exclusiva e nela enviar qualquer encomenda pelo preço fixo de R$ 22,90.(noticiasdodia@cna.org.br)

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros
FINALISTA LIBERTADORES
Santos atropela Boca Jr e terá o Palmeiras numa final Brasileira
TRAGÉDIA NA PONTE
Motorista morre após caminhão cair de ponte