Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Tiririca vê preconceito em crítica à entrada em comissão de educação

2 Mar 2011 - 07h50Por Folha Online

O deputado mais votado do país, Tiririca (PR-SP), disse nesta terça-feira que as críticas que fizeram contra ele por sua participação na Comissão de Educação e Cultura da Câmara foram preconceituosas.

"[Preconceito] que existiu até para eu chegar aqui, mas foi o povo que me colocou aqui e a voz do povo é a voz de Deus", afirmou.

Tiririca disse que pretende atuar também na área de educação, não só na de cultura. "Até porque as duas coisas caminham juntas."

Mais uma vez ele não falou sobre os projetos que tem para as áreas, mas contou que a UNE (União Nacional dos Estudantes) já o procurou para levar propostas.

Questionado se fará o discurso no plenário da Câmara em breve brincou que "daqui quatro anos fará um discurso bem legal". Riu ao ser perguntado se já pensava em reeleição e disse que ainda se perdia andando sozinho no Congresso.

"A expectativa é grande. De vocês [jornalistas], dos próprios deputados. Ainda não pensei qual será o tema [do discurso], mas estou me preparando. Hoje, quando me soltam aqui no Congresso eu ainda me perco", afirmou.

Tiririca teve a diplomação para o cargo ameaçada após suspeita de falsificar a declaração de que sabia ler e escrever. Ele foi inocentado pela Justiça depois de fazer uma prova de leitura.

O deputado chamou a atenção durante a votação do salário mínimo. Segundos depois de dizer que apoiaria o governo e seu partido pelo mínimo de R$ 545, Tiririca votou a favor dos R$ 600, apresentado pelo PSDB.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS