Menu
ASSEMBLEIA DEZEMBRO 2021
terça, 7 de dezembro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Sem-terra continuam na sede do INCRA em Dourados

14 Out 2009 - 08h25Por Dourados News

Cerca de 300 trabalhadores rurais sem-terra continuam ocupando a sede do Instituto Nacional de Reforma Agrária em Dourados. Durante todo o dia de ontem foi tentada uma solução para a desocupação das instalações, mas as negociações não deram resultado.

 

Os manifestantes reivindicam o cumprimento da chamada Pauta de Agosto que tinha sido feita em conjunto com o órgão e que previa a continuidade dos trabalhos de demarcação de 50 áreas para a reforma agrária no sul do Estado.

Esta é a terceira vez este ano que o prédio é invadido pelas famílias de sem-terra e nunca houve depredação nem violência. O trabalho dos funcionários prossegue normalmente, já que os manifestantes não estão impedindo o acesso de servidores ao local.

Um dos coordenadores dos sem-terra, José de Oliveira, disse ontem, que a ocupação é um protesto pela demora do órgão em atender às reivindicações que foram aceitas em reuniões anteriores, porém que até o momento não foram cumpridas.

Ele falou que algumas dessas “pautas” foram debatidas e dadas como assuntos encerrados, uma vez que havia a promessa de cumprimento, porém não foi isso que aconteceu e até agora ninguém deu resposta ao movimento. Ele lembrou que na última ocupação reivindicaram um repasse de verbas do Governo Federal para famílias já assentadas, recurso esse que estaria retido pelo INCRA do Mato Grosso do Sul. No entanto, eles dizem que 30% desses recursos simplesmente ainda não chegaram aos assentados.

Somente amanhã uma comissão do INCRA deverá se reunir com os trabalhadores rurais e até lá eles prometem permanecer no local. Dezenas de barracas foram montadas e uma cozinha improvisada fornece alimentação para o grupo.

Leia Também

SONHO DA MATERNIDADE
Servidora Pública perde marido para a Covid, mas realiza sonho e dá à luz trigêmeos
LIÇÕES DA BIBLIA
O céu dos céus
covid_04.12 COVID NO BRASIL
Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Deuteronômio em escritos posteriores
ABUSO DE AUTORIDADE
PM arrasta homem negro algemado em moto; "Como na escravidão", diz gravação
REVOLTANTE
Índia de 13 anos violentada pelo avô busca ajuda e acaba estuprada por 4 em unidade saúde
DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança