Menu
BANNER EMAGRECEDOR VICENTINA
domingo, 18 de abril de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Seleção argentina muda e se vacina contra Brasil

17 Set 2004 - 09h24
Marcelo Bielsa deixou a seleção Argentina com fama de freguês diante do Brasil. Para o seu lugar, os cartolas escolheram um treinador que tem uma fama oposta.

Na categoria sub-20, José Pekerman, 55, apresentado ontem oficialmente como novo treinador do time principal argentino, foi um tormento para o Brasil.

Na era Pekerman (1995-2002), a Argentina deu as cartas na categoria que teve os brasileiros como a maior força regional e do planeta.

Enquanto o treinador esteve na frente da equipe sub-20, a Argentina ganhou três Mundiais, contra nenhum do Brasil. Nas outras edições da competição, os brasileiros foram campeões quatro vezes, e os argentinos apenas uma.

Nos Sul-Americanos, foram dois títulos para cada lado na era Pekerman. No resto da história da competição, o Brasil vence fácil --seis títulos contra dois.

Os confrontos diretos em partidas oficiais também apontam a vantagem de Pekerman. Foram seis confrontos pelos campeonatos continental e mundial, com quatro vitórias argentinas.

Pekerman já havia sido cotado para comandar a seleção principal, em 1998, mas recusou o convite e indicou Bielsa.

"Agora me sinto preparado para a seleção principal. Eu confiava muito no Bielsa naquele momento", declarou o treinador, que não foi a primeira opção agora --Carlos Bianchi, ex-técnico do Boca Juniors, era o preferido, mas recusou o convite.

No seu trabalho na equipe sub-20, Pekerman lançou a maioria dos jogadores que vai treinar agora. Fazem parte da lista, entre outros, Sorín, Aimar, Rosales, Placente, Samuel e Saviola. "Eu me sinto como se estivesse voltando para casa", afirmou.

O novo treinador promete não fazer alterações drásticas no que vinha sendo feito por Bielsa, que deixou o cargo com o título de campeão olímpico e com uma desvantagem de apenas um ponto para o Brasil nas eliminatórias.

"O espírito do time vai continuar o mesmo", disse Pekerman, que vai fazer sua estréia no próximo dia 9, em jogo contra o Uruguai pelo qualificatório para 2006.

Esse confronto, aliás, vai reunir duas seleções que trocaram de comando depois do início das eliminatórias sul-americanas.

Além de Argentina e Uruguai, outras três seleções já fizeram isso --Bolívia, Colômbia e Equador. O Peru, do brasileiro Paulo Autuori, é outro que pode trocar de técnico em breve.
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO CAPIVARA NA IGREJA
Capivara invade igreja: 'acho que ela veio rezar conosco', brinca Padre
BEBEDEIRA
Idoso conhece mulher, leva para casa é atacado a facadas
ROUBO DE CARGA
Três mil pessoas roubam carga de carne após carreta tombar e provocam novo acidente
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa credita 1ª parcela do Auxílio Emergencial nesta quinta para nascidos em maio
mulher carro beltrao 1 VIDEO
Mulher cai e fica ferida após ser flagrada em cima de carro em movimento
DESESPERADOR
Covid-19: Brasil registra 3.808 mortes em 24 horas
EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições