Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 3 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Ricardo e Emanuel vencem espanhóis e são ouro

25 Ago 2004 - 14h46
O segundo ouro do Brasil em Atenas veio hoje com Ricardo e Emanuel. A melhor dupla de vôlei de praia do mundo confirmou seu favoritismo e conquistou a primeira medalha de ouro da modalidade no masculino, no confronto contra os espanhóis Bosma e Herrera. Até então, mesmo o Brasil tendo um domínio nas areias, somente Sandra Pires e Jacqueline Silva tinham subido mais alto no pódio, na estréia do esporte em olimpíadas, em Atlanta-1996.

Para Emanuel, era o único título que faltava em seu currículo. Para Ricardo, foi o resultado que ele não conseguiu obter em Sydney-2000, quando foi prata ao lado de Zé Marco.

Ontem, Adriana Behar e Shelda disputaram a final e ficaram com a medalha de prata, a exemplo do que aconteceu com elas em Sydney. O ouro foi para as americanas Walsh e May.

Os brasileiros começaram bem, com bons saques, incluindo um ace, e defendendo bem. A dupla conseguia manter dois pontos de vantagem. Ricardo abusava das bolas pingadas não dando chance nem para o bloqueio, nem para a cobertura espanholas, mas também não economizava força nas cortadas. Emanuel estava muito atento nas defesas e ainda conseguia mais um ace para ampliar em 14 a 9, a diferença. Com mais um ace, agora de Ricardo, o Brasil ficou a um ponto de fechar e, na seqüência venceu em 21 a 16.

Para o segundo set, os brasileiros continuavam no mesmo ritmo e a dupla abria 4 a 1 com mais um ponto de saque de Ricardo. Emanuel continuava pontuando com saques e Ricardo justificando seu apelido de "block machine" ia parando os ataques de Herrera. Os brasileiros abriam fáceis 13 a 6 e se encaminhavam para o ouro, que veio com o placar de 21 a 15.

A história do Brasil na praia

Com dois ouros, quatro pratas e um bronze, o Brasil domina o vôlei de praia na história olímpica. Desde que estreou em Atlanta-1996, o vôlei de praia sempre teve brasileiros nas finais. Na primeira edição, deu uma dobradinha brasileira. Jacqueline Silva e Sandra Pires foram ouro e Mônica Rodrigues e Adriana Samuel ficaram com a prata. Foi o primeiro ouro olímpico feminino do Brasil.

Em Sydney-2000, novamente o Brasil mostrava uma boa campanha. Adriana Behar e Shelda e Zé Marco e Ricardo ficaram com a prata e Adriana Samuel e Sandra Pires levaram o bronze.

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

PREVENÇÃO COVID 19
Giovanna Antonelli viraliza ao mostrar truque para evitar contaminação
FEMINICÍDIO
Marido é preso após matar mulher asfixiada e na fuga causa acidente de carro e deixa 08 feridos
BORA PRA BONITO - MS - REABERTO
Hotel Águas de Bonito reabre com segurança e estrutura proporcionada para o aconchego em Bonito (MS)
BRASIL - 62.045 MORTES
Brasil passa de 62 mil mortes pelo novo coronavírus
COISA MEDONHA
Homem quebra túmulo e é visto dançando com o corpo da avó
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Exército abre seleção com vagas temporárias para MS e salários de até R$ 7,5 mil
FÁTIMA DO SUL - NOSSOS ANJOS DA GUARDA
Guerreiros de Fátima do Sul fazem semana de prevenção contra incêndio, hoje é dia do BOMBEIRO
BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro