Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 2 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

PSDB mantém disputa em Deodápolis

4 Ago 2004 - 08h27
A coligação ‘Honestidade e Trabalho’, formada pelo PSDB e PFL, vai disputar as eleições de outubro em Deodápolis, seja com Manoel Martins como candidato a prefeito ou com outro nome em seu lugar”. A afirmação foi feita ontem, ao Diário MS, pelo professor Cícero Reinaldo, presidente municipal do PSDB. O candidato a vice-prefeito é Carlos Alberto Paes (PFL), o Beto da Lagoa, que deve ser mantido pela coligação.
Manoel José Martins, até então candidato a prefeito de Deodápolis, conforme matéria divulgada na edição de terça-feira no Caderno Região do Diário MS, teve recurso negado pelo Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul, que manteve a condenação do ex-prefeito de Deodápolis, que está inelegível por um período de cinco anos, conforme sentença proferida pela juíza da Comarca de Deodápolis, Marli Miyashita Nishimura, no início de maio.
Ontem, o presidente municipal do PSDB adiantou que a assessoria jurídica, após tomar conhecimento de que Manoel Martins ainda tem direito, deve impetrar um novo recurso junto à Justiça. Conforme a legislação eleitoral, o prazo de julgamento de processos encerra no dia 14, porém, no caso de candidatos majoritários (prefeito e vice-prefeito) poderão acontecer substituições até 24 horas antes das eleições. Sendo assim, Cícero Reinaldo afirmou que a coligação estará escolhendo outro nome para substituir Manezinho, caso este tenha o recurso negado pela Justiça.
Questionado sobre possíveis substitutos, o professor argumentou que, tanto o PSDB como o PFL possuem nomes de respaldo político junto ao eleitorado de Deodápolis. Entre os integrantes da coligação surgem nomes como o do vereador Sebastião Nobres da Silva (PFL), como também do vereador e ex-vice-prefeito Expedito Ponciano (PFL). “Porém, até o momento, o nome mais provável e de agrado geral entre o grupo é da vereadora Aparecida José Martins Nascimento (PSDB)”, ressalta Cícero Reinaldo. Aparecida é irmã do ex-prefeito Manoel Martins.
O diretório municipal confirma ainda, a realização do comício da coligação, programado para sexta-feira, 6, no centro de Deodápolis. Conforme o presidente, o evento já está agendado, inclusive com a presença confirmada de várias autoridades políticas estaduais e federais, “portanto, nada será alterado, mesmo com a incógnita do nome de nosso candidato a prefeito”.
 
 
Diário MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro
CICLONE BOMBA NO BRASIL
CICLONE BOMBA: Sobe para 10 o número de mortos no Sul do país, VEJA OS ESTRAGOS
FURIA DA NATUREZA
Ao menos nove pessoas morreram devido a ciclone que atingiu Região Sul
NOTÍCIA BOA - BORA COMPARTILHAR
Teste de vacina de COVID-19 funciona e Pfizer pode produzir 1 bi de doses
FÁTIMA DO SUL - INAUGURADO
Fátima do Sul é a escolhida para a 4ª Unidade do Posto Alvorada que comemora 20 anos de sucesso
COVID-19
Brasil tem 1.409.693 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
TORMENTA
Tempestade e ventos fortes causam destruição em cidade: “Parece filme de terror”
DIDI
Renato Aragão deixa a Globo, após 44 anos