Menu
SADER_FULL
quarta, 27 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Projeto contra pílula do dia seguinte será votado em 2006

6 Dez 2005 - 11h05
 
Ficou para o ano que vem o projeto que propõe a proibição da venda e distribuição gratuita da pílula do dia seguinte. O deputado estadual Sérgio Assis (PSB) justificou a retirada da proposta, que seria votada hoje na Assembléia Legislativa, dizendo que iria normatizar o texto, fazendo uma nova redação.

Sérgio Assis garantiu que irá apresentar o projeto no ano que vem, depois destes ajustes. Entre as modificações, a retirada da palavra "proibitivo" da proposta. A retirada do projeto foi decidida depois de reunião entre os parlamentares e o vice-governador Egon Krakhecke, mas ninguém admitiu a relação entre os fatos, já que a encontro seria apenas uma “visita de cortesia”.

O deputado estadual Loester Nunes (PDT) comemorou a decisão dizendo que se o projeto voltasse para análise da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), não teria sido aprovado. “Este projeto, o cara fez o parecer com uma linha”, disse. Nunes acredita que a proposta deveria ser mais discutida, a exemplo do projeto da instalação de usinas na região peripantaneira. “As lideranças entenderam que ele deveria retirar e ele compreendeu e tirou”. Semy Ferraz (PT) acredita que se fosse votado hoje, a proposta seria vetada, pois é inconstitucional, apesar do aval da comissão da Assembléia. Com informações do Mídia Max.

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Julgue com justiça
LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos