Menu
SADER_FULL
segunda, 29 de novembro de 2021
Busca
Brasil

Professor é indiciado por estupro de ex-aluna de 14 anos em Corumbá

4 Dez 2009 - 13h12Por Mídia Max

 
Um professor de 26 anos, que atua em escolas da rede pública de Corumbá e Ladário, foi indiciado por estupro com violência presumida contra uma ex-aluna, de 14 anos de idade. Se for condenado judicialmente, ele pode pegar entre seis e doze anos de prisão.

O delegado de Polícia Civil, Enilton Zalla, que responde interinamente pela Delegacia de Atendimento à Infância, Juventude e Idosos (DAIJI), contou ao Diário que o professor iniciou a relação quando a garota ainda tinha 13 anos.

“Ela era contrária inicialmente. Mas, ele sendo professor dela no ano passado, começou a insistir, falava que ela era bonita, que gostaria de namorar com ela. A convenceu facilmente”, explicou.

Para convencer a menina a se envolver sexualmente com ele, o professor manteve o relacionamento por quase um ano. “Ele exigiu provas de amor da menina; fez promessa de amor e a garota acabou se entregando”, disse o delegado responsável pelas investigações.

O acusado terminou a relação em outubro. Após o fim do relacionamento, ele disse para a ex-aluna que se ela se sentisse enganada que procurasse a Polícia: “pode chamar a polícia, eu já fiz isso com sete meninas, pode chamar a polícia que não tem problema nenhum, até agora não deu nada”, teria dito o rapaz.

As equipes da DAIJI chegaram ao professor após denúncia feita pela mãe da garota, que compareceu à Delegacia em companhia da filha. “Pegamos ele na escola. Pedimos autorização à diretora para que o encaminhasse imediatamente. Ele veio aqui [à Delegacia], não admitiu que teve relação sexual com ela. Mas, entrou em várias contradições. Apreendemos o celular dele e tinham diversas fotos de mulheres”, afirmou o delegado Zalla esclarecendo que o fato foi caracterizado com “riqueza de detalhes pela vítima”.

A ação aconteceu durante todo o dia 1º dezembro e  o professor vai responder ao processo em liberdade. “Uma vez que o fato acontece no passado já passou o flagrante. Foi indiciado e vai responder por estupro com violência presumida. Buscamos outras vítimas e estamos investigando totalmente a vida dele”, concluiu o delegado.

Leia Também

COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid -19 casos sobem para 22,043 milhões e mortes, para 613,3 mil
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Menina de 11 anos conta para avô que é estuprada pelo padrasto
CRUELDADE
Justiça nega exame de insanidade a mulher que esquartejou filho
MANIACO SEXUAL
Homem é filmado passando a mão em mulher no meio da rua
+ AUMENTO
Conta de luz deve subir mais de 20% no ano que vem, estima ANEEL