Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 12 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Produtores devem declaração do ITR até 30 de setembro

16 Set 2004 - 14h44

O prazo para os produtores rurais apresentarem a declaração do ITR (Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural) à Receita Federal termina no próximo dia 30 de Setembro. A entrega do documento é obrigatória para pessoa física ou jurídica, que possua propriedade rural em todo território brasileiro. As declarações poderão ser entregues pela internet, disquete ou formulário.

O consultor de agronomia da Famasul ( Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Laurindo Petelinkar alerta os produtores para estarem atentos aos prazos e ao preenchimento correto do documento. “É importante que o produtor, além de se preocupar com sua produção, buscando tecnologias e uma rentabilidade maior para seu imóvel, esteja, também, atento às obrigações legais junto aos órgãos governamentais, no que diz respeito ao preenchimento dos documentos necessários, para que esteja com seus direitos de propriedade assegurados e tenha uma tributação justa”, ressalta.

Segundo o consultor, quem não declarar o ITR sofrerá as penalidades cabíveis com pagamento de multa, com juros de 1% ao mês (por atraso), e ainda outras taxas devidas.

Além do ITR, o proprietário rural deverá também encaminhar ao Ibama (Instituto Nacional de Meio Ambiente e Recursos Renováveis) o ADA (Ato Declaratório Ambiental) referente às reservas legais e outras áreas de interesse ambiental. A declaração isenta as áreas de uso para conservação ambiental do pagamento total ou parcial do ITR.

O prazo para entrega do ADA é de 6 meses após o vencimento do ITR, ou seja, 30 de março de 2005. Mas Laurindo destaca a importância do produtor realizar sua declaração o quanto antes, para que possa estar assegurado no caso de possíveis fiscalizações futuras por parte do Ibama. “Não vale a pena o produtor atrasar ou não declarar, pois é muito simples fazer qualquer uma das declarações, afirma.

Os Sindicatos Rurais de todo o estado já estão preparados para prestar esclarecimentos e dar suporte ao produtor rural no preenchimento correto dos documentos. Durante o Primeiro Ciclo de Encontros Regionais, promovido pela Funar (Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural) entre os dias 1º e 14 deste mês, nas cidades de Campo Grande, Camapuã, Miranda, Jardim, Paranaíba, Anaurilândia, Naviraí, Ponta Porá e Dourados, funcionários dos 63 sindicatos rurais de Mato grosso do Sul receberam a capacitação e o treinamento técnico sobre a utilização dos programas de informática usados no preenchimento dos documentos. O serviço já está à disposição. O produtor que quiser esclarecimentos sobre as declarações e instruções sobre o preenchimento, deve entrar em contato com o Sindicato Rural de sua região que lhe prestará consultoria gratuitamente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA CORONAVIRUS
Filho de ex-jogador famoso vende geleias e não vê o pai há nove anos
SOB INVESTIGAÇÃO
Maria Aldenir lutou com assassino, mas viu a filha ser morta com 24 facadas
AVANÇO DA PANDEMIA
Mais 903 casos e 33 mortes por coronavírus foram registrados em 24h em MT
BRASIL - 71.515 MORTES
Brasil tem 1.842.127 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
MAIS UM
Vírus com potencial pandêmico é detectado pela Fiocruz no Paraná
VÍTIMAS DE COVID-19
Mãe de médico morre horas após o filho e dois dias após o pai, vítimas da covid
VÍTIMA DE COVID-19
Covid tira de cena um dos últimos montadores do carro brasileiro
CD TRIBUTO AO PADRE ZEZINHO
No ano em Padre Zezinho faz 79 anos, Manoel Caires lança seu primeiro CD 'Tributo ao Padre Zezinho'
PAGAMENTO DO AUXILIO
Confira o calendário para saque em dinheiro do auxílio emergencial
AUXILIO EMERGENCIAL
Governo vai liberar mais 1,5 milhão de auxílios. Saiba como reclamar se o seu for negado