Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de junho de 2021
Busca
Brasil

Petrobras confirma fábrica de US$ 2 bi em Três Lagoas

26 Nov 2009 - 11h15Por Diário MS
O Conselho de Administração da Petrobras aprovou nesta quarta-feira, em reunião na sede da companhia, no Rio de Janeiro, a instalação de fábrica de fertilizantes em Três Lagoas, na divisa de Mato Grosso do Sul com São Paulo. A informação foi dada por fonte da Petrobras, que já comunicou o governador André Puccinelli, mas o anúncio oficial deve ser feito pelo Palácio do Planalto, segundo a mesma fonte.

O vazamento de informação sobre fábrica da Petrobras, na terça-feira, gerou uma série de desmentidos. O governador André Puccinelli e o ministro Reinhold Stephanes deixaram vazar anúncio que deveria ser feito pelo presidente Lula e pela ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Roussef.

O governador André Puccinelli reconheceu que se deixou levar pela euforia e acabou falando demais sobre o projeto de instalação da fábrica, baseado nos estudos técnicos que asseguram que do ponto de vista da logística, a divisa de Mato Grosso do Sul com São Paulo, na rota do gasoduto, seria o melhor local.

O próprio ministro das Minas e Energia, Reinhold Stephanes, vazou para a agência Reuters que a cidade seria Três Lagoas, ao mesmo tempo que o governador André Puccinelli, em solenidade pública, comentava que MS teria sido escolhido pela Petrobras.

Nesta quarta-feira a secretária de Produção, Tereza Cristina, se esforçou para desmentir a informação, mas não convenceu. Mais tarde, o governador André Puccinelli faria o mesmo em outra solenidade pública. “Mandaram calar a boca”, disse. Tereza Cristina disse que o Ministério das Minas e Energia entrou em contato com ela e pediu para que fosse feito o desmentido. “Esse é um projeto grande, que demanda muito estudo e o processo de mitigação ambiental é um deles, não se pode garantir 100%”, disse a secretária.
O governador reconheceu que falou mais do que deveria e isso gerou a série de desmentidos, já que o anúncio de um investimento que é o maior da história de Mato Grosso do Sul deveria ser feito pelo Palácio do Planalto para produzir os dividendos políticos.

A antecipação do anúncio deixou executivos da Petrobras preocupados em razão das ações da companhia na Bolsa. Nesta quarta-feira o governador contemporizou o fato. “Eles queriam que anunciássemos juntos”, disse, sem, no entanto, desmentir categoricamente. Puccinelli disse que o Estado ofereceu à Petrobras o máximo de incentivos ficais que o programa “MS Empreendedor” permite. O investimento na construção da fábrica de festilizantes é estimado em US$ 2,2 bilhões e deve suprir a deficiência do Brasil por fertilizantes à base de uréia e potássio.

Hoje o Brasil produz apenas 10% do fertilizante usado pela agricultura. Com a suficiência, a produção brasileira terá menor custo e se tornará mais competitiva, segundo os estudos.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

APOSTAS NO BRASIL
É legal apostar em esportes no Brasil?
CRIME BRUTAL
Mulher é encontrada morta com rosas, uma aliança nas mãos e frase cruel escrita na testa
TRAGEDIA
Casal é encontrado morto no banheiro com o chuveiro ligado
VEJA VÍDEO
Servidora não deixa lençol sujar com sangue de bandido e viraliza na internet
LUTO NA TV
Apresentador do Balanço Geral morre vítima da covid
COPA AMÉRICA
Com mudanças, Brasil encara Colômbia para garantir liderança do grupo
JOGOS ONLINE
Expectativas para legalização de jogos de azar movimenta mercado internacional
Policial
Criança de 6 anos sofre trauma de crânio após cair de atração no Beto Carrero World
DOSE ÚNICA
Avião com 1,5 milhão de doses da Janssen chega amanhã, diz ministro
REAÇÃO CERTEIRA
Mulher flagra filha sofrendo estupro e esfaqueia pedófilo