Menu
SADER_FULL
terça, 21 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Para Zauith, só financiamento público moraliza campanhas

20 Set 2004 - 15h55

Brasília (DF), 20 - O deputado federal Murilo Zauith (PFL/MS) defendeu hoje o financiamento público das campanhas eleitorais para evitar, entre outras ilegalidades,  acordos envolvendo recursos financeiros entre partidos. A revista Veja desta semana revela que o governo teria conseguido apoio do PTB em troca de R$ 10 milhões em cargos e material de campanha.

O PFL vai ingressar com uma denúncia no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para investigar as contas dos dois partidos e pedir a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara ou no Senado para investigar as acusações.

"Calcula-se entre R$ 700 milhões e R$ 800 milhões o custo para os cofres públicos caso a medida - que vetaria o financiamento privado – seja adotada", informou Zauith. Para justificar o financiamento público das campanhas, ele lembrou que Os 377 mil candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador nas próximas eleições declararam à Justiça Eleitoral que podem gastar até R$ 16,3 bilhões em suas campanhas. O valor representa mais de 20 vezes o total que se espera gastar com o financiamento público de campanha.

A cada ano a disputa eleitoral atinge mais e mais cifras astronômicas. "Neste ano, o PT é o principal responsável por essa situação. "Ao obrigar seus filiados a contribuírem com o 'dízimo' para o partido,  e muitas vezes com a indicação de militantes para cargos comissionados no serviço público para engordar ainda mais os cofres da agremiação,  os petistas têm contribuído diretamente  para  o aumento dos gastos nas eleições", criticou Zauith.

O parlamentar pefelista recordou ainda que, em março, o presidente do TSE, ministro Sepúlveda Pertence, criticou o atual sistema de financiamento das campanhas, classificando-o de "erva daninha de todas as democracias". Na ocasião, Pertence declarou que em relação à prestação das contas eleitorais, enquanto os candidatos fingem que prestam conta, o tribunal finge que acredita nelas.

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA TV
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos, vítima de câncer
EM DECLINIO
Covid-19: Brasil registra 21,2 milhões de casos e 590,7 mil mortes
TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões