Menu
SADER_FULL
segunda, 8 de março de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Organização homologa MS como livre de aftosa

27 Mai 2011 - 11h00Por Correio do Estado

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), Bernard Vallat, anunciou ontem (26) que o Mato Grosso do Sul está oficialmente livre de febre aftosa com vacinação.

Apesar do reconhecimento de área livre de febre aftosa com vacinação ter ocorrido no ano passado, as portas dos mercados internos para a carne sul-mato-grossense só começarão a se abrir com a tomada de medidas determinadas pela OIE como é o caso, agora, da homologação.

EVENTO - A organização é o órgão regulador da produção animal e responsável por estabelecer regras comerciais quanto à importação e exportação de produção animal entre países do mundo todo. O órgão é mantido indepentende com subsídios dos países integrantes, o Brasil este ano vai viabilizar à OIE R$ 2 milhões sendo a metade provinda de recursos do governo e a outra de organizações privadas.

O principal ponto da assembleia deste ano foi o anúncio, pela primeira vez na história mundial, da erradicação de uma doença animal: a peste bovina. No mundo as únicas duas doenças consideradas erradicadas a esse nível foram a varíola e agora a peste bovina.

Deixe seu Comentário

Leia Também

100 UTI = OBITO
Ministério da Saúde prevê 3 mil mortes por dia por covid-19 nas próximas duas semanas
TRISTEZA NA FAMILIA
'Não tem UTI,amo vcs':a história por trás do tuíte viral que revela mensagens de mãe morta por covid
DISPARO ACIDENTAL
Assessor em fazenda do cantor Leonardo morre vitima de tiro acidental
VIOLENCIA DOMESTICA
Vítima de violência doméstica escreve bilhete com pedido SOS em agência bancária: 'Ele tá ai fora'
ALERTA AO CPF
Confira se o seu CPF foi usado de maneira IRREGULAR por desconhecidos
VAMOS PREVENIR
Igreja Adventista vota documento com orientações sobre cultos e reuniões
ALERTA AOS JOVENS
O que está por trás da alta das internações de jovens com covid
BRASIL EM PÂNICO
Brasil tem novo recorde de mortes por covid em 24 horas: 1.910
100 TRÉGUA
Brasil registra 1.726 mortes em 24 horas e bate novo recorde na pandemia; total chega a 257,5 mil
EXECUÇÃO NA MADRUGADA
Dona de bar é degolada e corpo encontrado nos fundos do estabelecimento