Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 25 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Número de visitantes é recorde no Cemitério de F. do Sul

3 Nov 2006 - 07h03

O Cemitério Nossa Senhora de Fátima em Fátima do Sul, registrou ontem (02), dia de finados, um movimento recorde, cerca de 17 mil pessoas passaram pelo cemitério, sendo que no Cemitério São Judas Tadeu, do Distrito de Culturama, foi registrado cerca de 2 mil pessoas durante todo o dia. Os dois cemitérios já vinham recebendo grande movimentação desde terça-feira, onde várias pessoas aproveitaram para fazer limpezas, e colocarem flores em alguns túmulos.

 

Foram 12 horas de visitação, iniciada assim que os portões dos cemitérios Nossa Senhora de Fátima e São Judas Tadeu, os portões forma abertos às 6h da manhã e fechados às 18h, registrando assim um recorde de público. Segundo o Secretário de Infra-Estrutura Municipal, Luiz Henrique Alberti, o movimento cresceu quase 50%, em relação ao Finados em 2005 “Acho que o motivo foi o feriado prolongado, onde as pessoas possam vir de outras cidades visitarem seus entes queridos, e possa ficar um pouco mais na cidade, devido ao feriado”, explica Luiz Henrique.

 

Segundo o senhor Clarindo dos Santos, ele que faz parte da equipe de servidores que ficam de plantão no cemitério, não houve dificuldades na localização das pessoas em encontrar os túmulos de seus entes queridos, devido a grande organização que a administração municipal implantou desde 2005 “Está tudo organizado, sem bagunça, onde hoje você pode deixar, desde uma rosa a um vaso de flor, que no ano que vem estará do mesmo jeito que foi deixado”, destaca seu Clarindo.

 

COMÉRCIO:

Quanto ao mercado informal de coroas, flores, velas e lanches, do lado de fora dos cemitérios, tanto do Distrito quanto do Município, o Secretário Municipal de Infra-Estrutura, Luiz Henrique, já havia dito na terça-feira (31), que este ano seriam disponibilizados lugares para que as pessoas pudessem colocar suas bancas de vendas para auxiliar aquelas pessoas que quiserem comprar as coroas e velas.


Com essa disponibilização, os vendedores ambulantes montaram barracas em frente ao cemitério, eles apostavam na venda de Finados que, segundo a maioria, empatou em relação ao mesmo período do ano passado. Em meio a flores e velas, lancheiros aproveitaram para vender de tudo e vencer a crise.

 

A vendedora Vera Lúcia disse que este ano vendeu mais que no ano passado, venderam bastante e a concorrência de preços foi leal uns com os outros “Esse ano deu para lucrar mais, pois tivemos aqui uma grande movimentação, que creio eu, foi bem mais movimentado que no ano passado em 2005”, enfatiza Vera Lúcia.

 

 

Fátima News

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA