Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 26 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Mulher ganha R$ 70 mil por falha de anticoncepcional

18 Ago 2006 - 10h30

A Schering do Brasil foi condenada a pagar R$ 70 mil de indenização por danos morais a uma consumidora que ficou grávida enquanto tomava o anticoncepcional Microvlar. O caso ocorreu em 1998 e a decisão da 9ª Câmara de Direito do Tribunal de Justiça de São Paulo ocorreu nesta semana.

Catarina de Fátima Celaro Oliveira tomou o medicamento produzido na forma de pílulas de farinha para ser usado em testes de uma nova máquina de embalagem. Parte do lote foi distribuído e vendido após um suposto roubo.

A fabricante também foi condenada a pagar pensão mensal à mulher no valor de três salários mínimos, segundo o site especializado Espaço Vital. Segundo o tribunal, esse valor deverá ser pago até que a criança complete oito anos, sendo que posteriormente o valor deverá aumentar para quatro salários mínimos. Contudo, a companhia poderá entrar com recurso contra a decisão judicial.

O caso das pílulas de farinha ocorreu no final de 1998 e ganhou as páginas dos jornais. Na ocasião, ao menos 20 mulheres afirmaram ter engravidado devido à falha do medicamento.

 

Invertia

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS