Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 25 de fevereiro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Indústria já registra maior geração de empregos no ano

25 Mar 2011 - 09h08Por Assessoria
O setor industrial de Mato Grosso do Sul, composto pelas indústrias de transformação, de extrativismo mineral, de construção civil e de serviços de utilidade pública, já registra a maior geração de empregos no ano com 4.022 vagas abertas de janeiro a fevereiro, conforme levantamento do Radar Industrial da Fiems com base nos dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho e Emprego. O número corresponde a 43,3% do total de 9.284 novos postos formais de trabalho criados no Estado.

Ainda de acordo com o Radar da Fiems, na seqüência aparecem os setores da agropecuária, com 2.540 vagas ou 27,4%, e serviços com 2.135 vagas ou 23,0% do total de novos empregos criados em 2011. No ano, o segmento industrial que mais abriu novas vagas foi o da construção civil, com 1.966 postos de trabalho, seguido pela indústria de transformação, com 1.895, indústria extrativa mineral, com 110 vagas, e serviço industrial de utilidade pública, com 51 postos.

Com saldo de 1.693 empregos formais criados no mês de fevereiro, a indústria que alcançou um estoque total de 117,3 mil postos formais de trabalho em Mato Grosso do Sul, mantendo a parcela de 21% de todo o emprego formal existente no Estado, atrás somente dos setores de serviços (25%) e da administração pública (23%), com um total de 142,4 e 130,7 mil empregos formais, respectivamente. No total, Mato Grosso do Sul obteve a marca de 560,4 mil postos formais de trabalho, indicando uma elevação equivalente a 2,21% sobre o estoque total verificado ao fim de 2010.

O resultado ocorrido em fevereiro fez com que o segmento industrial em Mato Grosso do Sul alcançasse um novo recorde de empregos formais. Adicionalmente, de janeiro de 2010, até o momento, o recorde de empregos nas atividades industriais foi quebrado em 12 oportunidades, das quais nove foram consecutivas, como pode ser observado na tabela abaixo.

Índice

O índice no segmento industrial, na posição verificada em fevereiro, foi de 171,8 pontos, indicando um crescimento de 72% sobre o estoque do ano base (2005). Na mesma comparação, o setor de serviços apresentou um índice de 142,8 pontos e crescimento de 43%, o comércio com 132,8 pontos (+33%), a agropecuária com 116,1 pontos (+16%) e administração Pública com 112,5 pontos (+13%). No caso do emprego formal total em Mato Grosso do Sul, o índice de evolução alcançou a marca 133,7 pontos (+34%).

Constata-se, deste modo, que no período compreendido entre 2005 e 2011, até o mês de fevereiro, o ritmo de expansão do emprego formal na indústria em Mato Grosso do Sul foi 28% maior que àquele apresentado pelo conjunto da economia estadual. Na mesma comparação, em relação aos segmentos de serviços, comércio, agropecuária e administração pública, o ritmo de expansão da indústria foi maior em 20%, 29%, 48% e 53%, respectivamente.

No comparativo com igual mês do ano passado, os desempenhos do índice de evolução do emprego formal foram: indústria (11,8%), serviços (8,2%),
comércio (7,6%) e agropecuária (1,1%). Na mesma comparação, o índice para conjunto da economia sul-mato-grossense apresentou crescimento equivalente a 5,9%. Por fim, na comparação com o mês imediatamente anterior, os índices de evolução do emprego formal na agropecuária, indústria, serviços e comércio apresentaram desempenhos equivalentes a 1,9%, 1,5%, 1,3% e 0,7%, respectivamente. Já a administração pública, na mesma comparação, não apresentou alteração em seu índice.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Covid-19: Brasil registra 1.541 mortes em 24 horas
MUNDO DO CRIME
Após morrer de Covid-19 no mesmo dia, casal tem oficina invadida e furtada
TRISTEZA NA FAMILIA
Pai e filho morrem de Covid-19 com poucas horas de diferença
CNH GRÁTIS
CNH Grátis: 8 mil carteiras gratuitas liberadas pelo DETRAN; inscreva-se
FINAL DA COPA DO BRASIL
Quem será o campeão da Copa do Brasil?
DIVIDA PÚBLICA
Dívida pública sobe em janeiro e atinge R$ 5,06 trilhões
ALÔ NAÇÃO RUBRO-NEGRA
VÍDEO: 'Jorge' o Urubu queridinho de Culturama viraliza nas redes sociais da Nação Rubro-Negra
LOCKDOWN
Com explosão de casos de covid, e 14 deputados infectados A. Legislativa volta a fechar as portas
BRASIL - 248.529 MORTES
Covid-19: Brasil registrou 62.715 infectados em 24 horas
SONAMBULA
Fisioterapeuta cai de janela de hotel após crise de sonambulismo