Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 18 de setembro de 2021
Busca
Brasil

HU/UFGD inaugura Ponto de Leitura para pacientes

9 Out 2009 - 16h11Por Fátima News, com Assessoria

 

O Hospital Universitário (HU) da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), em parceria com o Instituto pelo Desenvolvimento da Arte e da Cultura de Dourados (IDAC) e Secretaria Municipal de Educação, inaugurou quinta-feira (08) mais um Ponto de Leitura em Dourados, o quarto projeto implantado com patrocínio da Cultura Viva/Ministério da Cultura.

 

 

O Ponto de Cultura Todas as Idades “Guimarães Rosa” funcionará no Solário interno do hospital e desenvolverá atividades de leitura com pacientes internos. Às quartas-feiras, haverá leitura e ‘contação’ de histórias no próprio local e às quintas-feiras, as leituras serão feitas a pacientes internados e que não podem sair dos quartos.

 

 

Só para o Ponto Guimarães Rosa, estão sendo disponibilizados 102 títulos, infantil e adulto, conseguidos através de doações resultantes de oficinas, shows e eventos promovidos pela Coordenadoria de Cultura da UFGD e IDAC em 2008 e 2009. O Ponto de Cultura Todas as Idades do HU/UFGD vai organizar, nos próximos meses, a formação de uma equipe de voluntários que queiram participar da proposta. Hoje, as acadêmicas de Psicologia da Unigran Kamila Peres e Fabiane Rocha, já atuam no projeto sob coordenação da professora Maria Helena Beluque e apoio de Daya Russo, coordenadora dos Pontos de Cultura da UFGD.

 

 

Durante a inauguração, o Diretor de Administração e Planejamento do HU/UFGD, Rosemar Hall, enfatizou que esta é mais uma ação de humanização desenvolvida no hospital que surge para somar com o tratamento e recuperação dos pacientes. “No Ponto de Leitura os pacientes vão interagir com a leitura tirando e minimizando a preocupação do momento”.

 

 

O Coordenador de Cultura da UFGD, Emmanuel Marinho, lembrou a Instituição é precursora do projeto sendo a primeira do país a implantar um Ponto de Cultura. “E já estamos na implantação da quarta proposta e ainda vamos inaugurar vários outros. Estamos muito felizes”, encerrou o poeta que também declamou suas poesias durante a solenidade de inauguração.

 

 

Para a cidadã Jucélia Correia, que está com a neta de 10 anos internada na ala de pediatria do HU/UFGD, a proposta é fantástica porque faz a criança ocupar o seu tempo ao invés de pensar na internação.

 

 

PONTO DE LEITURA GUIMARÃES ROSA

 

 

O objetivo do Ponto é integrar o processo de humanização do HU/UFGD, com o intuito de minimizar os sofrimentos dos pacientes e dos familiares com momentos agradáveis que ocupem o tempo ocioso. A prioridade é fazer o bem ao doente internado.

 

 

Para os organizadores do Ponto de Leitura no HU/UFGD, como Guimarães Rosa, médico que curou os doentes da alma com suas obras literárias, a leitura e as artes servirão de tratamento a todos que se encontram no hospital, não somente mudando as pessoas para a apreciação da leitura, mas também funcionando com um recurso para passar o tempo, despertar os horizontes da imaginação e firmar a esperança nos corações.

 

 

Atualmente, a UFGD mantém os Pontos de Leitura Monteiro Lobato, na Biblioteca Municipal;  Luiz D´Ávila Lima, na escola Aurora Pedroso e o Bartolomeu Campos de Queirós, no Centro de Integração do Adolescente – CEIA.

 

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado
SAQUE EMERGENCIAL
Caixa cria calendário para liberar nova rodada de dinheiro do FGTS
TRAGEDIA AÉREA
Acidente aéreo mata sócio da Raizen e outras seis pessoas