Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 11 de abril de 2021
Busca
Brasil

Homem estupra garota de 2 anos e comete suicídio

24 Set 2004 - 08h22
Um homem acusado de estuprar uma garota de um ano e meio de idade cometeu suicídio ao cercado pela polícia no final da manhã de ontem em Capitan Bado, cidade paraguaia que faz divisa com Coronel Sapucaia no Brasil.Nas primeiras informações sobre o caso davam conta que o acusado teria morrido em troca de tiros com a polícia, mas a polícia paraguaia apresentou outra versão para o caso. Segundo a polícia o paraguaio Celso Antônio Dias, de 33 anos, morador de Capitan Bado, teria agarrado a menor à força, e após estuprar a menina, teria fugido para uma residência na periferia de Capitan Bado. A polícia foi acionada e uma equipe da Polícia Nacional do Paraguai saiu em diligência, porém, ao realizarem um cerco em torno da residência onde o estuprador estava escondido, Celso teria desferido um único tiro contra sua própria cabeça, vindo a morrer no local. A garota foi socorrida para o Hospital Municipal de Coronel Sapucaia em estado de choque, foi sedada e encaminhada para um hospital na cidade de Dourados.
 
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore
CONTAMINAÇÃO
Igrejas superam mercado e consultório médico em risco de transmissão de Covid-19, aponta estudo
CRISE NA PANDEMIA
Número de brasileiros que vivem na pobreza quase triplicou em seis meses, diz FGV