Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Fidel alerta universitários cubanos sobre risco de uma guerra nuclear

3 Set 2010 - 14h12Por Conjuntura Online

Vestindo o tradicional uniforme militar verde-oliva e aparentando disposição, o ex-presidente de Cuba Fidel Castro, de 84 anos, afirmou hoje (3) aos estudantes da Universidade de Havana que é necessário manter o alerta sobre a ameaça de uma guerra nuclear no mundo. Segundo ele, a humanidade precisa ser salva dos riscos oferecidos pelas armas nucleares. A aula de Fidel aos estudantes ocorreu nas escadarias da universidade.

"É bem conhecido e eu não tenho alternativa a não ser recordar que não estamos mais vivendo a época das cavalarias”, disse Fidel, referindo-se ao poder destrutivo das armas modernas de guerra."A paz com a paz se paga”, afirmou. “Se queres a paz, prepare-se para mudar sua consciência [o modo de pensar].”

Fidel afirmou que os países que mantêm arsenais nucleares devem renunciar a essas armas em benefício da humanidade. De acordo com ele, há duas tarefas que devem ser desempenhadas de forma imediata para alcançar a paz no mundo. A primeira é discutir medidas para evitar o agravamento dos efeitos causados pelas alterações climáticas. O segunda medida é eliminar as armas nucleares.

As informações são do jornal oficial cubano, o Granma, e da Rádio Cuba Internacional, que é uma das estatais do país. No discurso, o líder revolucionário disse que a alternativa para preservar a humanidade está na distribuição justa da riqueza material e espiritual no mundo.

Em seu discurso, Fidel lembrou que os Estados Unidos foram os primeiros a usar armas nucleares para o ataque, quando bombardearam as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, em 1945, no final da 2ª Guerra Mundial. Segundo ele, os armamentos em disposição hoje no mundo têm um poder de destruição 440 mil vezes maior do que os que destruíram Hiroshima e Nagasaki.

O tema da ameaça de uma guerra nuclear tem sido constante nos discursos de Fidel. Recentemente, ele convocou uma sessão extraordinária na Assembleia Nacional de Cuba para fazer um discurso semelhante. Na ocasião, ele disse que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, era o único capaz de evitar o uso desse tipo de armamento em um conflito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso
Na Pandemia, filas são imensas na CEF de Fátima do Sul-MS AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera hoje saques do auxílio emergencial para mais 3,6 milhões