Menu
SADER_FULL
terça, 2 de junho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Ex-prefeito de Água Clara terá que devolver R$ 124 mil

26 Mai 2010 - 06h42Por Mídia Max
O ex-prefeito de Água Clara, Edvaldo Alves de Queiroz terá que devolver R$ 124 mil ao cofre do município. A decisão foi proferida durante a sessão da 1ª Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE/MS), realizada nesta terça-feira (25/05.

O conselheiro José Ricardo Pereira Cabral foi o relator do processo que trata do contrato administrativo nº 035/2006, firmado entre a Prefeitura Municipal de Água Clara e Marco Teixeira Advogados Associados S/S.

Na ocasião, o conselheiro apontou como irregularidades a publicação intempestiva do 2º termo aditivo, comprovante de publicação do edital ou da entrega do convite sem data e carimbo dos respectivos participantes e parecer jurídico sem assinatura do advogado ou procurador do município.

No que diz respeito à etapa da execução, o contrato firmado e o termo aditivo somam R$ 134.400,00, mas as notas fiscais apresentadas têm o valor de R$ 124.800,00, portanto, não consta no processo a comprovação integral da despesa.

Em seu voto, o conselheiro José Ricardo Pereira Cabral declarou como irregular e ilegal as etapas da licitação, formalização e execução do contrato nº 035/2006, e determinou a impugnação de R$ 124.800,00 a ser ressarcido ao cofre do município devidamente atualizado, além da aplicação de multa de 100 UFERMS a Edvaldo Alves de Queiroz.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISA MEDONHA
Mulher é desenterrada e estuprada um dia após ser sepultada
DOURADOS - NOVO EPICENTRO COVID-19
Dourados é novo epicentro do coronavírus em MS com mais de 300 casos confirmados
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda
TRAGEDIA NA RODOVIA
Mulher gravida e marido morrem e criança fica ferida em acidente trágico
PANDEMIA CORONAVIROS
Vai ser ''um massacre'', diz ex-diretor da Saúde sobre flexibilizar isolamento
BOA NOTICIA
Bolsonaro diz que auxilio emergencial pode ter quarta parcela, mas pagando menos
PRAZO MÁXIMO
Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
BOLETIM: Fátima do Sul tem mais 04 casos confirmados, sobe para 69 e tem 12 pacientes recuperados