Menu
SADER_FULL
terça, 28 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Estado e municípios combatem a dengue, mas precisam de ajuda

19 Jan 2010 - 05h15Por MS Notícias

O ano de 2010 começa com um grande desafio para Mato Grosso do Sul na área da saúde: evitar que a epidemia de dengue registrada em alguns municípios se alastre para todo o Estado.

O último levantamento consolidado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) mostra que os casos notificados de dengue – referentes ao ano passado – já estão em 20.852 (sujeito a alteração). As notificações desse ano, nas primeiras semanas epidemiológicas, mostram 1.814 casos.

Os municípios que estão apresentando maior incidência de notificações de dengue em 2010 são: Pedro Gomes, Jardim, Corguinho, Nioaque, Sonora, Campo Grande, Nova Alvorada do Sul e Porto Murtinho.

De acordo com o diretor de Vigilância em Saúde, da SES, Eugênio Barros, os procedimentos para que a doença não se dissipe estão sendo tomados pelas autoridades em saúde do Estado e dos municípios: “as visitas domiciliares dos agentes foram intensificadas, os carros ‘fumacê’ estão nas ruas, mas com este período chuvoso é necessária muita colaboração das pessoas. Precisamos ter consciência que a dengue deve ser evitada todos os dias e não só na estação do verão. As medidas de prevenção devem ser tomadas diariamente como tampar os recipientes que armazenam água, não deixar vasos de plantas com água acumulada, não jogar lixo nas ruas e sim nos locais corretos, enfim, fazendo estas tarefas diariamente pode significar muito na prevenção contra a doença”.

O Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, é menor que um pernilongo e a doença só é transmitida pela fêmea. Depois que o mosquito chega a fase adulta, o tempo médio de vida é entre 30 a 35 dias. Neste período a fêmea põe de 4 a 6 vezes, sendo que cada vez ela pode botar mais de 100 ovos.

Após a picada do mosquito com o vírus, os sintomas se manifestam normalmente do 3º ao 15º dia da infecção. Esse período é chamado de incubação. O tempo médio de duração da doença é de cinco a seis dias. Os sintomas surgem apenas após este período.

Se a pessoa sentir febre alta, dor de cabeça, dor atrás dos olhos, manchas vermelhas no corpo e dor nos ossos e articulações deve procurar uma unidade de saúde porque pode ser dengue.

Atualmente, a cada ano são registrados entre 50 a 80 milhões de casos de dengue em todo o mundo.

Leia Também

PICTURE SEO E SEUS BENEFÍCIOS
Os benefícios de SEO para comércio eletrônico
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mãe entra na sala de casa e flagra filha de 13 anos fazendo sexo oral no padrasto bombeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
O chamado de Abraão
CARRO DESGOVERNADO
Aluno de 13 anos é atropelado e prensado contra muro de colégio por carro desgovernado
SOB INVESTIGAÇÃO
Amigos saem para pescar e encontram cadáver boiando em rio
DESASTRE AÉREO
Diretor da UPA que sofreu acidente aéreo no Pantanal morre em hospital
COVID-19
Covid-19: Brasil tem 15,7 mil novos casos e 537 mortes em 24 horas
+ AUMENTO
Gasolina sobe pela 8ª semana seguida nos postos, aponta ANP
PAN AMERICANO JUNIOR
Atleta de MS carregará as cores do Brasil no vôlei de praia nos Jogos Pan-Americanos Júnior
LIÇÕES DA BÍBLIA
Prefácio de Deuteronômio