Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 27 de janeiro de 2022
Busca
Brasil

Dólar fecha a R$ 1,71; Bovespa perde 0,36%

18 Nov 2009 - 16h11Por Folha Online

A moeda americana foi negociada abaixo do preço de ontem durante a maior parte do expediente desta quarta-feira, tendo um leve repique praticamente nas operações finais, após a intervenção diária do Banco Central no mercado de câmbio. O BC realizou leilão às 15h29 (hora de Brasília) e aceitou ofertas por R$ 1,7130 (taxa de corte).

Dessa forma, o dólar comercial foi vendido por R$ 1,717 (estável) nas últimas operações desta quarta-feira. As taxas oscilaram entre R$ 1,720 e R$ 1,706. Nas casas de câmbio paulistas, o dólar turismo foi cotado por R$ 1,820, sem variação sobre a taxa de ontem.

A Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) sofre perda de 0,36%, aos 67.163 pontos. O giro financeiro é de R$ 4,60 bilhões. Nos EUA, a Bolsa de Nova York cai 0,55%.

O dia foi marcado mais uma vez por discussões em torno de uma "taxa de equilíbrio" para o dólar. Ontem, em um debate com empresários, o ministro Guido Mantega (Fazenda) apontou uma taxa de R$ 2,60 como um preço de "equilíbrio" para o dólar brasileiro. "Imagina a indústria brasileira com esse câmbio. Venceríamos qualquer concorrente", afirmou o ministro, citando estudo do banco de investimentos Goldman Sachs.

E hoje, a CNI (Confederação Nacional da Indústria) defendeu a cotação mínima do dólar para remunerar os custos do exportador brasileiro seria de R$ 2,30.

Profissionais de mercado consideram pouco improvável que a taxa de câmbio atinja a cotação de R$ 2,60 no cenário atual. A maioria das projeções de bancos e corretoras varia entre R$ 1,75 ou R$ 1,80 como o valor da moeda americana para o final deste ano.

Entre as principais notícias do dia, o Banco Central revelou hoje que o fluxo cambial, que mede a diferença entre as saídas e entradas de dólares no país, voltou a ficar positivo, quase um mês depois que o governo resolveu taxas os investimentos estrangeiros em renda fixa e variável.

Até o dia 13, o saldo estava positivo em US$ 720 milhões neste mês. Em novembro do ano passado, considerando o mesmo período (nove dias úteis), o saldo estava negativo em US$ 751 milhões.

Juros futuros

O mercado de juros futuros, que regula o custo do dinheiro nos bancos, continuou seu movimento de reduzir as taxas de prazo mais curto e elevar as taxas de mais longo prazo.

No contrato que aponta os juros para janeiro de 2010, a taxa prevista cedeu de 8,64% ao ano para 8,63%; e no contrato de janeiro de 2011, a taxa projetada passo de 10,18% para 10,19%. Essas taxas são preliminares e podem sofrer ajustes.

Leia Também

SUBINDO
Brasil em 24 horas, foram registradas 487 mortes por Covid 19 e 183.722 novos casos registrados
joao 5 39 examinais as escrituras 2_3 LIÇÕES DA BIBLIA
Quanto Falta para o Fim do Mundo?
TRAGÉDIA NA IGREJA
Confusão em culto termina com pastor e jovem mortos, 4 baleados e casa incendiada
SOB INVESTIGAÇÃO
Lutador é executado com 12 tiros, sua esposa esta grávida
SEU DINHEIRO
Qualquer cidadão pode consultar se tem valores a receber de instituições financeiras; saiba como
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 259 mortes e 83,3 mil novos casos
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Mãe vê partes íntimas vermelha, pergunta e filha de 2 anos aponta paro o tio
ACASALAMENTO DE COBRAS
Casal sucuri acasalando em rio assusta e impressiona turistas; veja vídeo
MEIO AMBIENTE
O número médio anual de relâmpagos do país aumentará para 100 milhões
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, Brasil registrou mais 135.080 casos e 296 mortes por covid-19