Menu
SADER_FULL
domingo, 19 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Dirigente do São Paulo diz não temer baixas com transferências

2 Jan 2010 - 10h39Por Folha Online

Temor de muitas equipes brasileiras, a janela de transferências europeia reabre neste mês, aumentando o risco de os principais jogadores trocarem o continente sul-americano pelo europeu.



No São Paulo, existe a preocupação, mas os cartolas acreditam que, por conta da crise financeira mundial, os clubes do Velho Continente não virão com tanta força atrás de jogadores brasileiros.



"É evidente que os clubes europeus sofreram com a crise, que ainda persiste. Não é nem por uma questão de futebol, é uma questão comercial. Então, eu antevejo um início de ano um pouco morno", disse o diretor de futebol João Paulo de Jesus Lopes.


No final do ano passado, três atletas são-paulinos foram alvos de sondagens de clubes estrangeiros.


O zagueiro Miranda despertou interesse do Wolfsburg, da Alemanha, e Lazio e Fiorentina, da Itália. Além do camisa 5, o clube teve uma proposta de 11 milhões de euros, equivalente a R$ 29 milhões, por Hernanes, cuja multa rescisória é de 25 milhões de euros (aproximadamente R$ 65,7 milhões).


Dagoberto esteve na mira do Bayern de Munique, da Alemanha. Apesar da precaução do clube, que contratou dois defensores (André Luiz e Xandão), o cartola disse que a procura por Miranda, por exemplo, não passou de especulação.



"Pode até aparecer alguma boa proposta, e a gente sabe que, antes da nossa vontade, o atleta pensa em jogar fora do país. Mas não recebemos nada oficial. Foram sondagens. E, por enquanto, não dá para fazer uma projeção de valores que aceitaríamos para liberar um jogador", completou ele.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado