Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 18 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Diretor do Corinthians confirma conversa com Adriano

14 Mar 2011 - 17h08Por R7

O diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, confirmou que o clube continua conversando com o atacante Adriano. A afirmação vem em meio às recorrentes negativas do presidente corintiano, Andrés Sanchez.

A declaração foi feita à TV Bandeirantes, de São Paulo, após a vitória sobre o Mirassol por 3 a 2 no domingo (13).

- O Adriano é um grande jogador. Não está 100% descartado, mas estamos conversando.

Adriano rescindiu seu contrato com a Roma na última terça-feira (8) e, desde então, alimenta a cobiça de inúmeros clubes brasileiros. O Timão, que já havia sondado o jogador no começo da temporada, aparece como um dos prováveis destinos. 

Além de Adriano, Duílio Monteiro Alves comentou a ida de Luís Fabiano, outro antigo desejo do Timão, ao arquirrival São Paulo.

- Não perdemos o Luis Fabiano para o São Paulo. O Corinthians fez uma proposta para o atleta em janeiro. Depois trouxemos o Liédson. Agora, não se justifica mais o investimento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS