Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 17 de janeiro de 2022
SADER_FULL
Busca
Brasil

Conceitos sobre a saúde alimentar do bebê são quebrados

15 Jan 2010 - 17h46Por Portal da Educação

Pesquisas mostraram que quanto antes forem introduzidos determinados alimentos na dieta do bebê, menos problemas de alergia com a alimentação eles terão no futuro. Esta tese quebra a teoria que se costumava praticar até então.

Este tema foi debatido por especialistas mês passado, em Buenos Aires, durante o Congresso Mundial de Alergia e trazido novamente à pauta com a publicação do assunto no periódico científico “Pediatrics”.

Pesquisadores finlandeses avaliaram por cinco anos o comportamento alimentar de 994 crianças, depois de analisar informações como duração do aleitamento materno, níveis de IgE (o principal anticorpo envolvido nas reações alérgicas) e idade com que essas crianças começaram a comer batatas, aveia, centeio, trigo, carne, peixe e ovos.

Cientistas finlandeses de várias universidades, incluindo a de Helsinki, acompanharam durante cinco anos 994 crianças.

Após avaliar dados como duração do aleitamento materno, níveis de IgE (o principal anticorpo envolvido nas reações alérgicas) e idade com que essas crianças começaram a comer os alimentos citados, averiguaram que a ingestão tardia deles está mais relacionada ao risco de sensibilidade alérgica.

Segundo a nutricionista e tutora do Portal Educação, Ana Paula Leão Rossi, os dados apresentados são importantes para que haja mais dados a respeito da introdução de alimentos alergênicos. “No entanto, como as informações ainda não são conclusivas é necessário manter cautela quanto ao consumo desses itens”, aconselha a tutora.

Leia Também

ABUSO SEXUAL
Meninas escutam mãe contando de abuso sexual e fazem relato chocante sobre tio-avô
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 24.934 novos casos de Covid-19
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Jovem morre após ser atingido por avião agrícola pilotado pelo pai
TEMPORAL - VIDEO
Forte chuva derruba árvores e deixa 23 mil pessoas sem energia
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, as autoridades de saúde notificaram 175 novos óbitos, totalizando 620.971
TRAGÉDIA
Deslizamento de terra destroi casarão histórico em Ouro Preto MG
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai, mãe e três filhas morrem em capotamento de caminhão
BIG BROTHER
Saiba quem foram os ex-BBBs que já morreram; 3 estiveram no BBB9
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil tem 87,4 mil casos e 133 mortes em 24 horas
HOMICIDIO EM SÉRIES
Bandido que comia olhos, orelhas e bebia sangue de vítimas é preso