Menu
BANNER IMPRESSORAS
domingo, 14 de agosto de 2022
SADER_FULL
Busca
Brasil

Aumento salarial dos policiais vai melhorar a segurança, prevê Moka

7 Jul 2010 - 09h54Por Assessoria


O presidente da Comissão Mista de Orçamento do Congresso, deputado Waldemir Moka (PMDB), está convencido de que o aumento no salário dos policiais militares e civis e dos bombeiros nos Estados irá melhorar a segurança no país e em Mato Grosso do Sul.


A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 300 foi aprovada, em primeiro turno, pela Câmara dos Deputados na noite de terça-feira por 349 votos, após acordo entre líderes do governo e do movimento.


De acordo com Moka, o texto aprovado prevê que o valor do piso das categorias será determinado por projeto de lei a ser encaminhado ao Congresso pelo Executivo. “O Governo terá que enviar a proposta de lei no prazo de 180 dias após a promulgação da emenda constitucional, em que deve constar o piso salarial dessas corporações”, afirma o deputado.


O projeto do governo criará um fundo para ajudar os Estados a cumprir o novo piso. "Muitos Estados não teriam condições de bancar esses aumentos sozinhos. Por isso a necessidade de se criar esse fundo, que irá garantir o pagamento dos novos salários", justifica.


Moka diz que a proposta de lei federal será fechada a partir de reuniões com a Comissão de Orçamento do Congresso, da qual é presidente. “Todo aumento de despesa tem que estar previsto no Orçamento do país. Diante disso, vamos nos reunir para encontrar as fontes de receita que irão sustentar os aumentos”, explica.


LDO

O deputado deverá colocar em votação nesta quarta-feira (8) à tarde a Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) para 2011. O relatório do senador Tião Viana (PT-AC) ainda gera dúvidas nos integrantes da Comissão, principalmente em relação ao valor do salário mínimo para o proximo ano.
 

Moka acredita que, não havendo consenso em torno do texto da LDO, a decisão deverá ir para o voto. “Estou tentando fechar um acordo para não precisar ir para o voto”, diz. A LDO tem que ser votada pela Comissão e pelo plenário do Congresso até a próxima quinta-feira (15).

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Motociclista de 27 anos bate na traseira de trator e morre em vicinal
TRAGEDIA NA RODOVIA
Sete pessoas morrem e três ficam feridas em acidente entre caminhão e van
AUXILIO POPULAÇÃO
Governo libera empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil
TRAGÉDIA
Carro explode durante abastecimento e amputa pernas de frentista
NOITE DE TERROR
Moradores relatam medo vivido em confronto com oito mortos
ACIDENTE DE TRABALHO FATAL
Trabalhador morre soterrado ao fazer limpeza em silo de grãos
AGRESSÃO NA ESCOLA
Mulher invade escola e espanca aluna a pauladas
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil ultrapassa o número de 680 mil mortos pela doença
AUXÍLIO BRASIL AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio Brasil de R$ 600 e vale-gás saem hoje para mais um grupo
BRASIL + POBRE
Estudo mostra alta da pobreza em regiões metropolitanas