Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de outubro de 2021
Busca
Brasil

André apresenta propostas de governo em Vicentina e Jateí

18 Set 2006 - 08h03

O candidato a governador André Puccinelli (PMDB), da coligação "Amor, Trabalho e Fé", apresenta as propostas de governo, neste sábado (16), em Vicentina e Jateí. Em caminhadas, e reuniões políticas, Puccinelli falou de sua trajetória política e entrega as 15 metas de governo. "Estamos nos apresentando e apresentando nossas metas de governo, firmando o compromisso de muito trabalho pelo Mato Grosso do Sul", afirmou.

 

Entre as metas do candidato estão a ampliação e a facilitação do crédito ao trabalhador para atividades geradoras de renda e a criação de um programa de incentivo e apoio técnico para os micro e pequenos empresários. Também será criado o Programa de Desenvolvimento Econômico, que prevê incentivos fiscais, infra-estrutura e parceria com empresas, para atrair novos empreendimentos ao Mato Grosso do Sul. Fomentar o turismo eco-ambiental e o de negócios e promover a Festa da Carne, evento internacional voltado para a divulgação do potencial da produção estadual, estão entre as prioridades de Puccinelli.

 

Na segurança, a meta é integrar e equipar as polícias, capacitar os policiais e fortalecer as ações de policiamento comunitário, além de implantar uma política diferenciada de segurança pública para a região de fronteira, em parceria com o Governo Federal. Entre as propostas para a Educação, o candidato iniciará o processo de implantação da escola integral e dos centros de educação profissionalizante rurais e urbanos regionalizados, em parceria com produtores e empresários, além de fortalecer a UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul).

 

Na infra-estrutura, um dos compromissos de Puccinelli é a implantação do programa "Estrada Boa", para recuperar e manter a malha viária de todo o Estado, utilizando recursos arrecadados em parceria com as prefeituras municipais e com a fiscalização dos sindicatos, Câmaras Municipais e Ministério Público. Puccinelli tem ainda entre as metas de governo a construção de 40 mil casas em quatro anos, em parceria com a comunidade, prefeituras e o Governo Federal. Serão criados programas habitacionais específicos para os servidores públicos, as comunidades indígenas, quilombolas e para os assentamentos. "Vamos ainda implantar os projetos Meu Cantinho, que garantirá moradia para os idosos, Mudando para Melhor e a Casa da Gente, com habitações populares", explicou.

 

No agronegócio, Puccinelli afirma que serão criados incentivos fiscais e tributários para a diversificação de culturas segundo o potencial de cada região. A identificação desse potencial, e das necessidades de cada município, será feita através do macrozoneamento sócio-econômico e ambiental, um estudo detalhado das potencialidades do Estado, já em andamento. Também estão entre as metas de governo a criação de um Centro de Inteligência e Tecnologia de Produção de Carne, a ampliação das Câmaras Setoriais e a recuperação, para a produção, de 10 milhões de hectares de solo degradado. "Vamos incentivar a agricultura familiar, transformando os assentamentos rurais em agrovilas auto-sustentáveis", disse. Segundo Puccinelli, também serão levados para os assentamentos e comunidades rurais programas de educação, saúde, moradia e lazer.

 

Na saúde, as prioridades são fortalecer os hospitais regionais e implantar e equipar hospitais estratégicos de médio porte, evitando grandes deslocamentos de pacientes. "Outra proposta é unir Estado e municípios para criar programas regionais de prevenção de doenças e atendimento à população", disse. Puccinelli reitera que, além de manter os programas sociais já desenvolvidos, vai aperfeiçoá-los, garantindo também capacitação profissional às famílias atendidas.  

 

Outra das 15 metas prevê a implantação da Zona de Processamento de Exportação (Zona Franca) de Corumbá, além do chamado Porto Seco, um entreposto de cargas em Campo Grande e Dourados, para transformar o Estado em um pólo de exportação, aproveitando os eixos rodos-ferroviários. "Vamos também estimular a implantação de agroindústrias para aproveitamento da produção local e atrair investimentos para reflorestamento e aproveitamento da madeira como matéria-prima para produção industrial de compensados, móveis e aproveitamento de outros derivados", explicou.

 

Entre as propostas relacionadas ao meio ambiente, estão a conservação das microbacias com recuperação das matas ciliares e o incentivo à criação de reservas naturais Também estão previstas ações de recuperação da bacia dos rios Taquari, Coxim e Rio Verde. A matriz energética do Estado também será diversificada, com a criação de novas fontes de energia. Para tanto será criado o Programa Estadual de Bioenergia, formando parcerias e incentivando a produção de combustível orgânico (álcool, óleo, biodiesel e hbio), com o aproveitamento de matéria-prima do campo (cana, soja, algodão, girassol, pinhão manso, mamona). "Vamos incentivar projetos de utilização da energia solar e pesquisas de aproveitamento de outras formas alternativas de energia a partir da reciclagem ou do aproveitamento de matéria-prima renovável", afirmou Puccinelli.

 

A Secretaria de Organização Municipalista será responsável pela execução do projeto Soma 78 Cidades, que prevê a criação de um centro de elaboração e acompanhamento de projetos para todos os municípios e entidades voltadas para o desenvolvimento urbano, a partir de convênios com a participação da União, Estados e Municípios. "Vamos concentrar esforços na elaboração e no acompanhamento de projetos para a captação de recursos federais e até internacionais para a realização de obras", concluiu.

 

 

 

Leia Também

OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro
Fátima News
Avenida 09 de Julho 2135 - Centro - Fátima do Sul/MS
(67) 99638-6610 rogerio@fatimanews.com.br
© Fátima News. Todos os Direitos Reservados.