Menu
SADER_FULL
sexta, 24 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Alunas de Glória desenvolvem Projeto de Incentivo ao Aleitamento Materno

3 Nov 2010 - 11h02Por Wilson Amaral / MS Cidades
As Alunas Patrícia Lourdes de Lima Correia e Meire da Silva Queroz do curso de Serviço Social 6ª semestre da Anhanguera Uniderp Interativa de Glória de Dourados estão desenvolvendo o “Projeto Incentivo ao Aleitamento Materno” juntamente com Hospital Evangélico – Unidade Hospital da Mulher de Dourados.

Segundo as alunas o projeto visa mostrar através de palestras a importância do aleitamento materno e a forma correta de amamentar, que a maiorias das mães desconhecem estas informações. O evento contou com o apoio da prefeitura de Glória de Dourados.

A Secretária de Saúde de Glória de Dourados Drª Lucimar dos Santos agradeceu em nome do prefeito Arceno que não pode estar presente, a todas as funcionárias da saúde que estiveram marcando presença na palestra também agradeceu a Nutricionista Tailci Cristina e a Assistente Social Adriana por vir a Glória de Dourados para passar um pouco do conhecimento que elas têm a todas as funcionárias da saúde para repassar a comunidade gloriadouradense no seu dia-a-dia de trabalho.

Lucimar também enalteceu o trabalho das alunas no projeto salientando a importância que elas terão no futuro não só para Glória de Dourados, mas para onde estiver trabalhando. Esteve palestrando Tailci Cristina da Silva – Nutricionista responsável pelo Banco de Leite Humano “Hilda Bergo Duarte” da cidade de Dourados e também esteve acompanhado a palestrante a orientadora das alunas a Assistente Social Adriana do Hospital da Mulher Dourado/MS.

Segundo Tailci muitas mães amamentam outras crianças em razão de ter mais leite o chamado (aleitamento cruzado) que isto não é permitido de forma alguma; cada criança vai crescendo e recebe o leite adequado com a sua idade, ou seja, vai passando por transformações de acordo com a idade do bebê recebendo os nutrientes adequados com a fase da criança e além de que existem algumas mães que pode ter alguma doença e através do leite podem transmitir a doença à criança que esta sendo amamentada. Tailci orientou todos os meios e formas corretas de como a mãe tem que proceder na hora da amamentação, destacou que qualquer mulher que esteja amamentando e em boas condições de saúde, com leite excedente podem ser doadoras. Que no cadastro do banco de leite, são solicitados exames como específicos para HIV, sífilis e hepatite.  

Após a avaliação, as mães são orientadas sobre como proceder à ordenha do leite. A coleta pode ser realizada tanto no Banco de Leite como na casa da doadora, conforme orientações recebidas. “Após a coleta, os frascos devem ser armazenados no congelador.   

Depois de coletado, o leite é submetido a exames específicos, valor calórico e acidez. Após as análises, o produto é pasteurizado a uma temperatura de 62,5 graus, depois de feito os exames bacteriológicos e somente após os resultados o leite é liberado para o consumo dos bebês. O produto tem validade de seis meses.

A Nutricionista informou durante a palestra que todas as mães têm condições de amamantar o que ocorre com muitas mães é a falta de informação e de como proceder na hora da amamentação, segundo Tailci o leite é a melhor vacina que uma mãe pode dar ao seu filho. O leite materno do banco de leite é indicado para bebês prematuros, de baixo peso, que não sugam, portadores de imunodeficiência, com problemas no aparelho digestivo ou quando a mãe, por algum problema de saúde, não pode amamentar o filho, sempre sob prescrição médica ou de nutricionista.

Segundo informações das alunas Meire e Patrícia é possível ver a dedicação no trabalho e o amor dedicado a cada criança, a cada mãe, no Hospital Evangélico e no Hospital da Mulher ao final da palestra elas agradeceram a todos as pessoas que apoiaram esta iniciativa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore
COVID-19
Ministra de Bolsonaro testa positivo para Covid e cancela agenda em Nova Andradina
ASSUSTADOR
Homem encontra boneca na parede com bilhete misterioso: "obrigada por me libertar"
VIDEOS VAZADOS
Torcedora do flamengo esquenta a web com vídeos íntimos
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra em 24 horas 36.473 novos casos e 876 novas mortes
REVOLTANTE
Criança autista vítima de maus tratos é encontrada comendo fezes de cachorro para sobreviver
HOMICIDIO X SUICÍDIO
Marido mata esposa e tira própria vida; criança de 3 anos pede socorro a vizinho
NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada