Menu
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
Busca
SUCURI_MEGA
Brasil

Uso de agrotóxico ilegal gera multas em MS e mais 7 Estados

27 Dez 2004 - 15h11
 

O Ibama aplicou multa de R$ 1.167.700,00 a fazendeiros que usavam agrotóxico ilegal sem registro dos ministérios do Meio Ambiente, Agricultura e Saúde. Na Operação Agrotóxico, realizada entre 22 de novembro a 8 de dezembro, os fiscais visitaram 74 pontos de revenda e 731 fazendas no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais, Maranhão e Bahia, a maioria produtora de soja.

Só em Goiás foi apreendida mais de uma tonelada de agrotóxicos ilegais. Como estava no período de plantio de soja, grande parte desses produtos era à base de chlorimuron ethyl. O herbicida é aplicado no preparo do solo e, mais tarde, quando a soja está com um palmo de altura para matar as ervas daninhas.

A principal porta de entrada dos agrotóxicos ilegais é o Paraguai, porém parte do que é vendido vem da China. Eles são mais baratos do que os oferecidos no Brasil. Entretanto, por não serem controlados pelos órgãos competentes não se sabe o grau de eficiência no combate a ervas daninhas, o risco para saúde humana e meio ambiente devido à toxidade e facilidade de contaminação desses produtos químicos.

"A ação do Ibama, em conjunto com outros órgãos ambientais, é fundamental para reduzir a contaminação em áreas rurais, preservando inclusive nossos aqüíferos subterrâneos tal como o aqüífero guarani", comentou o presidente substituto do Ibama, Luiz Fernando Merico.

Durante a última operação, os fiscais encontraram nas fazendas embalagens vazias de agrotóxicos jogadas a céu aberto - o que é proibido por lei - ninho de galinhas em cima de sacos de herbicidas, manipulação inadequada dos produtos contaminando solo onde não havia plantio, entre outros.

Além das multas, os infratores vão responder a processo já que é crime ambiental (Lei 9.605/98) "a produção, processamento, importação, exportação, comercialização, fornecimento, transporte, armazenamento e uso". Pela lei, artigo 56, a infração é punida com multa e reclusão de um a quatro anos.

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

Acerto de Contas
Mulher é assassinada e companheiro é poupado pelos bandidos
Macabro
Filho que escondeu corpo de pai pode ser indiciado por três crimes
Novela
'Deus salve o rei': Catarina (Bruna Marquezine) mata Constantino
Novela Global
'Outro lado': Gael luta contra violência doméstica no fim
Monstro
Câmera flagra irmão à procura de menina que teria sido abusada por prefeito de Bariri
Perigo do Selfie
Três garotas caem de ponte de 20 metros ao tirarem fotos em Castelo
Campanha de filiações
Prisão de Lula faz disparar filiações ao PT
O Apocalipse
Arthur (Junno Andrade) fala na TV que Ricardo (Sergio Marone) ressuscitou em seu velório
BBB 18 - Vencedora
Veja a casa de Gleici, do'BBB 18': Sister teve o pai assassinado pelo tráfico e passou fome
Concurso Público
Polícia Federal publica autorização para promover concurso público com 500 vagas