Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 21 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

TRE registra 110 pedidos de impugnação de candidaturas em MS

17 Jul 2010 - 09h35Por MS Record

corrida eleitoral começou e com ela partidos e candidatos precisam respeitar as regras. Quem não segue as determinações pode perder a chance de disputar um cargo público. Em Mato Grosso do Sul até agora já são 110 pedidos de impugnação de candidatura, a maior parte por falta dos documentos exigidos.

Dos 110 pedidos de impugnação de candidaturas que já chegaram ao TRE, 71 foram feitos pelo MPE. Em mais da metade dos casos, o candidato exercia um cargo público e, no ato do registro da candidatura, não apresentou o documento comprovando o desligamento do serviço público.

“Esse afastamento do cargo tem quer ser feito de fato, e não de direito”, esclareceu o procurador eleitoral Pedro Paulo Oliveira.

Diante de um pedido de impugnação de candidaturas, a justiça eleitoral dá um prazo de 72 horas para que o candidato regularize a situação. Passado esse prazo, o processo segue para o Ministério Público Eleitoral que tem 48 horas para dar um parecer sobre o caso.

O pedido de impugnação, então, volta para o TRE. O pleno tem até 5 de agosto para decidir pela impugnação ou não das candidaturas.

Além do Ministério Público Eleitoral, coligações e candidatos também pediram impugnações de candidaturas.

Dos pedidos, nenhum é para impugnar o registro de candidatos ao governo do Estado. Uma candidatura à vice e outra ao senado tem pedido de impugnação, assim como um suplente de senador. O restante dos pedidos é referente à candidaturas de deputados estaduais e federais.

Uma vez impugnada a candidatura, o partido tem dois caminhos. “Se indeferido a candidatura, o partida pode recorrer da decisão ou mudar de candidato para a disputa” relatou o secretário do TER, Hard Waldschimidt.

No caso dos candidatos chamados proporcionais, a substituição pode ser feita até 60 dias antes da disputa eleitoral. Já em relação aos majoritários, o prazo é até o dia da eleição. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação