Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 17 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

TRE começa a analisar a “ficha limpa”

27 Jul 2010 - 07h52Por Dourados Agora

O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral) de Mato Grosso do Sul começou hoje a julgar os 371 pedidos de candidaturas individuais, exceto das duas coligações e de um partido isolado, o PSOL, que montou chapas puras para concorrer a todos os cargos. Das coligações e do PSOL, os pedidos foram deferidos durante sessão do TRE na semana passada.

Os pedidos de candidaturas, impugnações e "ficha limpa" serão julgados paralelamente. Nesta segunda-feira, devem ser avaliados pelo menos 30 pedidos. Os julgamentos continuam até dia 5 de agosto, quando encerra o prazo estipulado pela Justiça Eleitoral.

O atraso para o início dos julgamentos individuais ocorreu porque o TRE teve que intimar pelo menos 90% dos pré-candidatos que entraram com pedido de candidatura, por causa de documentação irregular.

Os pré-candidatos que não atenderem a intimação do TRE/MS em 72 horas, a partir do recebimento, pode ter a candidatura indeferida, por absoluta falta de prova com relação à inexistência de hipótese de inelegibilidade.

Apresentada a documentação pertinente, será examinada se a candidatura preenche, ou não, os requisitos legais, inclusive os relativos à Lei da Ficha Limpa.

Para o presidente do TRE, o desembargador Luiz Carlos Santini, muitas das situações apontadas demonstram desrespeito à legislação eleitoral, desconsideração com o poder judiciário e evidenciam a desorganização de alguns partidos e coligações. Só a PRE/MS (Procuradoria Regional Eleitoral em Mato Grosso do Sul) ajuizou 71 impugnações.

Grande parte delas tem como fundamento a falta de prova da desincompatibilização de servidores públicos pré-candidatos. Outros motivos são as condenações criminais e julgamentos de contas pelo Tribunal de Contas do Estado e da União.

A maioria dos pedidos de registro foram feitos sem a apresentação dos documentos necessários exigidos pela Resolução TRE nº 428/2010, demonstrando que coligações, partidos e candidatos não apresentaram devidamente os documentos, descumprindo a legislação.

O PRE/MS explica que só com apresentação da documentação completa exigida, principalmente as certidões negativas cíveis e criminais, é que poderá ser realizada com clareza análise pelo deferimento, ou não, da candidatura, principalmente se houve o atendimento da chamada Lei da Ficha Limpa.

Impugnações

Para o presidente do TSE, Ricardo Lewandowski, a implementação da Lei da Ficha Limpa deve provocar a impugnação de até 15% das candidaturas este ano.

"A ficha limpa pegou, sem dúvida nenhuma. Estou fazendo um cálculo que essas impugnações devem corresponder entre 10% a 15% dos registros de candidaturas. Isso é algo esperado, está dento do normal e a Justiça Eleitoral dará uma resposta rápida a essas impugnações".

 presidente do tribunal disse também que a lei prevê algumas hipóteses de inelegibilidades e ao que, até o momento, todas as impugnações estão baseadas na Lei da Ficha Limpa.

"Vamos examinar todas essas impugnações e o que pode, de certa maneira, tranquilizar a todos que acompanham essas impugnações é que, no momento, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e o STF (Supremo Tribunal Federal) chegaram a um consenso em relação a certas teses, os processos serão julgados rapidamente", disse o ministro, em relação ao prazo para a Justiça Eleitoral julgar todos os casos de inelegibilidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESCARGA ELÉTRICA
Técnico de Rerigeração morre após sofrer choque ao manusear microondas
DOENÇA DO SÉCULO
Rapaz que se jogou da ponte do Rio Piquiri se despediu de amiga antes
COMOÇÃO
Jovem de 19 anos morre após contrair bactéria em parto
NOVELA GLOBAL
Josiane mata de novo em 'A dona do pedaço': saiba quem é a próxima vítima!
NOVELA GLOBAL
'A dona do pedaço': Maria da Paz conhece Gilda, que lhe vende mansão cara
ECLIPSE LUNAR
Eclipse parcial da Lua poderá ser visto em todo o Brasil; veja os horários
BARBÁRIE
Moça de 22 anos é agredida até a morte após se negar a fazer sexo
COMOÇÃO
Jovem Lenara, filha de vice prefeito morre vitima de câncer
100 REMEDIOS
Ministério da Saúde suspende fabricação de 19 remédios;veja aqui a lista dos medicamentos cortados
ABANDONADA NO ALTAR
Morre jovem que casou sozinha após ser abandonada no altar