Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Seminário vai discutir o acesso popular à internet

2 Ago 2004 - 09h14
Em entrevista ao programa Revista Brasil, da Rádio Nacional AM, o presidente do Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Confea/Crea), Wilson Lang, falou de como tornar a internet acessível para as classes populares, já que no Brasil o número de usuários domiciliares ativos da internet gira em torno de 12 milhões de pessoas. Ele comparou o acesso à informação como uma corrida de carros, “O Brasil não pode ficar para trás, pois os países que dominam esse processo acabam por ter o domínio sobre os que têm menos acesso ao processo”.

Para discutir esses temas, como o acesso da população à internet, a inclusão digital, os custos desse acesso, o compromisso dos países mais desenvolvidos, o Confea vai realizar o seminário internacional “A Sociedade da Informação: Desafios e Oportunidades”. O evento irá acontecer nos dias 05 e 06 de agosto, em Brasília. O seminário contará com a presença de representantes dos Ministérios da Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Planejamento, Orçamento e Gestão, Relações Exteriores, Educação e Casa Civil. Também estarão presentes instituições da área científica, organizações não-governamentais, entidades profissionais, acadêmicas e empresas privadas.
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat