Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 20 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Santos vence mais uma e obtêm 100% na Libertadores

20 Abr 2007 - 08h06
Time de melhor aproveitamento na Taça Libertadores-2007, o Santos se despediu da primeira fase do torneio com uma vitória sobre o Deportivo Pasto (Colômbia) por 3 a 0, nesta quinta-feira, na Vila Belmiro.
Com a vitória, o Santos chegou aos 18 pontos no Grupo 8 e avançou com 100% de aproveitamento --como prêmio, terá a vantagem de pegar o pior segundo colocado no cruzamento das oitavas-de-final. Além disso, o time de Vanderlei Luxemburgo igualou uma façanha que até então havia sido alcançada apenas pelo Vasco.
Desde 2000, ano em que a fase principal da Libertadores sofreu um "inchaço" e aumentou de 20 para 32 participantes, apenas o time de São Januário, na edição de 2001, conseguiu vencer todos os seus jogos na fase de grupos.
Naquele ano, dirigido por Joel Santana, o Vasco obteve oito vitórias seguidas, já que venceu nas oitavas-de-final duas vezes o Deportes Concepción, do Chile --depois perdeu os dois jogos das quartas-de-final para o Boca Juniors, da Argentina.
A série vascaína de oito triunfos consecutivos foi alcançada pelos santistas hoje se forem considerados os dois jogos que o time fez contra o Blooming, da Bolívia, pela fase preliminar.
Em campo, o Santos mostrou desde o início que a preocupação do momento é a partida decisiva de domingo contra o Bragantino, que vale vaga na decisão do Campeonato Paulista-2007.
Por isso, Luxemburgo iniciou a partida preservando jogadores importantes como o lateral Kléber, o zagueiro Antônio Carlos, o meio-campista Zé Roberto e o atacante Rodrigo Tiuí.
Classificado e diante de um adversário já eliminado, o Santos iniciou o jogo no campo de ataque e precisou de apenas sete minutos para abrir o placar.
O lateral Carlinhos tabelou, recebeu passe na frente, se livrou do goleiro e bateu para o gol vazio, 1 a 0. Aos 21min, o time da Baixada quase ampliou num chute de Rodrigo Tabata, que passou raspando o travessão colombiano. Aos 39min, Tabata bateu forte e o goleiro Barahona evitou o gol.
 Já nos acréscimos, aos 47min, o Santos chegou ao segundo gol. Pedrinho escapou livre pelo lado direito do ataque e bateu colocado, de pé esquerdo, sem chance de defesa para o goleiro adversário.
Para a etapa final, Luxemburgo colocou em campo Rodrigo Souto e Zé Roberto --Maldonado e Cléber Santana foram poupados nos 45 minutos finais. Aos 17min, Rodrigo Tiuí entrou na vaga de Marcos Aurélio.
O Santos passou a maior parte do segundo tempo no ataque e chegou ao terceiro gol aos 42min da etapa final, com Rodrigo Tiuí, que pegou um rebote dentro da área e bateu cruzado para marcar.
 
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa
ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa