Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 16 de novembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Recibos usados em defesa têm erro de digitação, diz Renan

19 Jun 2007 - 12h19
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), apresentou a senadores nesta terça-feira (19) documentos que, segundo ele, comprovam que houve erro de digitação em recibos na venda de gado em Alagoas. O que, de acordo com Renan, derrubaria a acusação de duplicidade de cheques nos documentos.
 
Com os recibos, o presidente do Senado busca comprovar que tinha recursos suficientes para pagar a pensão à filha que teve fora do casamento. Ele é acusado de ter essa despesa paga pelo lobista de uma construtora.

Renan entregou aos colegas dois recibos datados de 21 de junho de 2004 com o mesmo número de cheque: 409.571, de uma conta corrente do HSBC. O recibo é assinado por Marcelo Nunes Amorim. O primeiro trata da venda de 1.526 arrobas de gado por R$ 95.232,00. Já o segundo refere-se à venda de 550 arrobas por R$ 30.800,00.
Segundo Renan, houve erro de digitação sobre o número de cheque. Ele apresentou um cheque de R$ 95.232,00 com o número 409.575 e não o 409.571 que consta no recibo. O senador também mostrou aos senadores o cheque de R$ 30.800,00, este sim com o número 409.571.
 
 Perícia
O presidente do Conselho de Ética do Senado, Sibá Machado (PT-AC), informou que a perícia da Polícia Federal (PF) nos documentos apresentados por Renan deve chegar ao Congresso somente na tarde desta terça-feira (19).
A perícia, aliás, pode revelar algumas inconsistências que precisariam de mais tempo de análise por parte dos peritos.
 
A informação foi dada pelo diretor-geral da PF, Paulo Lacerda, ao senador Eduardo Suplicy (PT-SP). Segundo Suplicy, integrante do Consellho de Ética, Lacerda informou a ele por telefone que a perícia deve conter conclusões importantes, mas ressaltou que precisaria de mais tempo para uma análise minuciosa em outros pontos.
"Ele me disse que o relatório deve trazer conclusões importantes, mas pode falar que, em alguns pontos, precisa de tempo", disse Suplicy. A perícia começou no último sábado (16).
Suplicy avisa que, se a perícia não for conclusiva, ele dificilmente votará pelo arquivamento do processo contra Renan na reunião do Conselho de Ética nesta quarta-feira (20).
"Havendo necessidade de mais tempo para tirar conclusões, sou a favor desse tempo. Eu, aliás, recomendei ao diretor da PF que a perícia diga qual é esse prazo", afirmou. "Quero votar de maneira convicta, não por pressão política", disse.
 
 Justificativas
Renan apresentou notas que comprovariam que ele tinha rendimentos suficientes para pagamento da pensão à jornalista Mônica Veloso, com quem tem uma filha de 3 anos, e que provinham de comercialização de gado.
 
O presidente do Senado é acusado de receber ajuda financeira de um lobista para pagar parte dessa pensão. Reportagem do "Jornal Nacional" de quinta-feira (14) mostrou divergências nos recibos de rendimentos rurais.
Sibá aguarda para esta terça a chegada da perícia, feita pela PF em Maceió. Ele ainda terá que escolher um novo relator para o processo. É que o atual relator, Epitácio Cafeteira (PTB-MA), autor do relatório favorável a Renan, pediu afastamento de dez dias por motivos de saúde.
Sibá chegou a afirmar que o relatório de Cafeteira não pode ser alterado por esse novo relator. Agora, o presidente do Conselho de Ética diz que somente nesta terça poderá confirmar essa informação. "Quero me cercar disso tudo", afirmou.
 
 Aliados
A posição de Suplicy de que aceitará o prazo pedido na perícia sinaliza a dificuldade de Renan dentro do conselho. Considerado aliado do presidente do Senado, Suplicy já avisou que não se compromete a votar a favor do relatório de Cafeteira. O mesmo já foi dito por Renato Casagrande (PSB-ES), outro senador próximo de Renan. Com isso, o placar fica indefinido dentro do Conselho de Ética.
 
 
G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENCONTRO DE GOVERNADORES
Em encontro de governadores com Bolsonaro, Reinaldo defende fronteira e reajuste da tabela SUS
VIOLENCIA DOMESTICA
Homem é esfaqueado por esposa que tem ciumes até da sombra
ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto
TRAGEDIA
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos