Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Quatro fazendas de MS constam na lista de trabalho escravo

13 Jul 2007 - 05h06

O Ministério do Trabalho divulgou neste mês de julho, a lista de empresas e empregadores flagrados com trabalhadores vivendo em situação análoga a de escravidão, na qual constam quatro fazendas de Mato Grosso do Sul, que integram a lista juntamente com outros 15 estados do país. A listagem alcançou número recorde, registrando 192 casos em todo o Brasil.

De acordo com a lista, um dos focos de escravidão no Estado é a Fazenda Boa Vista, localizada entre a Estrada Bonito – Barranco Branco, km 53, no município de Porto Murtinho, que está inscrito sob a razão social de Eric Sobrinho Ávila – ME 05.518.611/0001-40. O local foi flagrado com 19 trabalhadores em situação de escravidão.

Outro flagrante de trabalho escravo foi a Fazenda Alto Alegre, que fica no município de Cassilândia, onde um trabalhador foi encontrado em situação irregular de trabalho, durante operação realizada em dezembro do ano passado. O empregador da Fazenda, apontado pelo Ministério do Trabalho é Ivadir Antônio Torres, que teve o nome incluído na lista suja do órgão.

A Fazenda Palmares do Peixe, localizada no município de Bonito, também consta na lista de trabalho escravo, já que oito empregados foram encontrados em situação ilegal,cujo beneficiário seria José Maurício dos Santos. A ação foi flagrada em operação realizada em dezembro de 2006. Por fim consta na lista “suja”, a Fazenda Pedra Branca em Chapadão do Sul, cujo empregador é Lúdio Garcia de Freitas, que mantinha sete trabalhadores sob regime análogo à escravidão.

 

 

MS Notícias

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho