Menu
SADER_FULL
segunda, 25 de junho de 2018
PASSARELA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Promoção Social de Deodápolis encerram atividades

16 Dez 2004 - 07h18

A Prefeitura de Deodápolis através da secretaria municipal de Assistência e Promoção Social pasta gerida pela primeira dama e secretária Maria das Dores de Oliveira Viana, encerraram na última sexta-feira, 10, as atividades do Cras (Centro de Referência da Assistência Social) e Paif (Plano Nacional de Atendimento Integral à Família), onde estiveram presentes várias famílias atendidas através do Paif, que é desenvolvido no município há um ano através de convênio celebrado entre o Município e o Governo Federal.

         A meta do município é atender trezentas famílias e hoje se encontram cadastradas cerca de duzentas e oitenta famílias que recebem atendimento psicossocial individualizado, sendo que este trabalho é estendido também aos distritos de Porto Vilma, Vila União, Presidente Castelo e Lagoa Bonita. Segundo a assistente social, Arlene Cristina da Silva, “a procura da população em busca dos atendimentos demonstra a aprovação do Projeto, bem como dos trabalhos realizados pelas técnicas responsáveis pela execução do mesmo”, constata Arlene.

         A equipe técnica é composta por profissionais que atuam na área de assistência social e psicologia, sendo que, no quadro funcional do Paif atuam duas assistentes sociais, Arlene Cristina da Silva e Francisca Rozenilda da Silva do Valle e duas psicólogas, Márcia Guimarães de Campos e Cássia de Medeiros Alves. As atividades do Cras/Paif são intermediadas pela secretaria municipal de Assistência e Promoção através da Gestora, Maria das Dores de Oliveira Viana.

         Em seu discurso de encerramento das atividades do Cras/Paif, a secretária de Assistência e Promoção Social ressaltou que “este trabalho só foi possível graças à força de vontade e o desempenho dos profissionais que atuam neste Projeto”, argumentou Maria das Dores Viana, afirmando ainda que, “para que este Projeto continue só depende do futuro prefeito, pois há recursos específicos na esfera federal para tal evidência, depende apenas da celebração de convênio”, salientou a primeira dama.

         Após o encerramento das atividades do Cras/Paif, aconteceu um coquetel onde participaram, mães, pães e diversas crianças que são atendidos pelo Projeto. A psicóloga Cássia Medeiros, em nome das demais funcionárias da equipe, agradeceu a todos os presentes e principalmente aqueles que confiaram neste trabalho de grande relevância social. “Agradecemos a confiança que as famílias depositaram em nosso trabalho e esperamos dar continuidade neste Projeto a partir de 2005”, disse a psicóloga.

                                                                 

                                                                                     Demerval Nogueira / Fátima News.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FINAL
Saiba qual será o final surpreendente de Apocalipse na Record
ENTRETENIMENTO - SAÚDE
Padre Fábio de Melo sofre da síndrome do pânico e fala como administra a doença
NOVELA GLOBAL
'Segundo Sol': Laureta revela para a família de Rosa que ela é prostituta
GOVENO NÃO CUMPRE
Caminhoneiros anunciam nova paralisação, mas trabalhadores de MS não devem participar
RAIVA HUMANA
Morte de turista por raiva humana é confirmada em Ubatuba
NOVELA GLOBAL
Valentim sofre grave acidente de carro
INACEITAVEL
Mãe de jovem morto no Rio: “É um Estado doente que mata criança com roupa de escola”
HAJA CORAÇÃO
Neymar é o autor do gol mais tardio, em tempo normal, de uma Copa na história
COPA DO MUNDO
No sufoco, Brasil supera a Costa Rica e consegue primeira vitória na Copa do Mundo
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Rosa coloca fim em relação com Ícaro e ele toma atitude