Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 16 de julho de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Projeto Aprisco será lançado amanhã em Ponta Porã

14 Mar 2007 - 13h18

Nesta quinta-feira, dia 15 de março, será lançado o Projeto Aprisco no município de Ponta Porã, fruto de parceria entre Sebrae em Mato Grosso do Sul, Prefeitura Municipal e Sindicato Rural.

 

Este será o segundo núcleo do Projeto Aprisco no Estado, sendo o primeiro instalado em Anaurilândia. Através do projeto, o Sebrae trabalha com os produtores a parte de produção, gestão e mercado. “A intenção é fazer com que os produtores formem um núcleo e se especializem para ter uma redução dos custos e oferecer um produto com uma qualidade melhor, que atenda as exigências do mercado, aproveitando a carne, as vísceras e a lã”, afirma o gestor do projeto no Estado, Marcus Rodrigo de Faria.

 

Marcus ressalta que através do projeto, o grupo de produtores terá a oportunidade de receber o acompanhamento gerencial e tecnológico de um Agente de Desenvolvimento Rural (ADR), a partir de visitas mensais na propriedade. “O ADR vai orientar o produtor quanto ao manejo, sanidade, alimentação, parte gerencial, através dos custos de produção, visando ter um produto com melhor qualidade de carcaça, escore corporal, um produto mais valorizado no mercado”.

O lançamento do Projeto Aprisco será amanhã, dia 15 de março, às 10 horas, na sede do Sindicato Rural de Ponta Porã. “O município é um pólo de destaque em Mato Grosso do Sul, pois tem no clima um dos seus maiores aliados”, destaca a coordenadora do Posto Avançado de Ponta Porã, Dixie Carolina Croskey.

 

 

Projeto

 

O Projeto Aprisco foi criado pelo Sebrae Nacional há pouco mais de dois anos, com o objetivo de desenvolver a criação de cabras, bodes e ovelhas no nordeste brasileiro, região que concentra 69% do rebanho nacional. O Sebrae no Mato Grosso do Sul aderiu ao projeto em agosto de 2004, e utilizou a concepção do Projeto Aprisco desenvolvido no Nordeste, mas com adaptações para a realidade local.

 

De acordo com dados do IBGE, o rebanho de ovinos no Brasil está estimado em 16,5 milhões de cabeças, a atividade apresentou um aumento de 6,5% relacionado ao ano passado. Na região Centro-Oeste de 1996 a 2005, a produção cresceu cerca de 46,7%, sendo que Mato Grosso do Sul apresenta o maior rebanho da região, com cerca de 700 mil cabeças (54,6%).
 
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Moça de 22 anos é agredida até a morte após se negar a fazer sexo
COMOÇÃO
Jovem Lenara, filha de vice prefeito morre vitima de câncer
100 REMEDIOS
Ministério da Saúde suspende fabricação de 19 remédios;veja aqui a lista dos medicamentos cortados
ABANDONADA NO ALTAR
Morre jovem que casou sozinha após ser abandonada no altar
TRAGEDIA NA RODOVIA
Morte trágica de três pessoas na PR-082, comove população
BRIGA DE FAMILIA
Pai desfere 15 golpes de facão em filho adolescente
VIOLENCIA DOMESTICA
Pai é morto a marteladas pelo filho um dia antes de aniversário
NÃO QUER QUE ELE USE
Mãe apaga narguilé do filho adolescente e leva chinelada
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que está apaixonado de verdade por Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
VAQUINHA VIRTUAL
Com dinheiro de vaquinha, morador de rua que ajudou idosa durante temporal no Rio compra casa