Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Para McLaren, Mundial de Construtores não importa

3 Ago 2004 - 14h23

O inglês Ron Dennis, chefe da McLaren, disse nesta segunda-feira que não se importa com a posição final de sua equipe no Mundial de Construtores, que já está praticamente assegurado pela Ferrari, que soma 184 pontos.

A McLaren ocupa atualmente a quinta posição, com 37 pontos, 10 a menos que a Williams, que é a quarta, e bem longe de Renault e BAR, que têm respectivamente 85 e 76 pontos.

"A não ser que você seja o primeiro, o campeonato de construtores não tem muita importância, embora exista uma compensação financeira para os melhores. Atualmente, chegamos a cada GP pensando apenas em vencer a corrida. Não temos um plano ou meta, queremos apenas vencer as corridas", disse Dennis.

Confira como está o Mundial de Construtores após 12/18 etapas:

  • 1º - Ferrari, 184 pontos
  • 2º - Renault, 85
  • 3º- BAR-Honda, 76
  • 4º - Williams-BMW, 47
  • 5º - McLaren-Merecedes, 37
  • 6º - Sauber-Petronas, 18
  • 7º - Toyota, 8
  • 8º - Jaguar, 7
  • 9º - Jordan, 5
  • 10º - Minardi, 1
  • Terra Redação

    Deixe seu Comentário

    Leia Também

    OUTROS 10 ESTADOS
    Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
    BARBÁRIE
    Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
    CARRO DE APLICATIVO
    Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
    VIOLENCIA DOMESTICA
    Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
    CANALHA
    Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
    HORARIO DE VERÃO
    Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
    CARCERE PRIVADO
    Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
    TRAGÉDIA NA FAMILIA
    Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
    VIOLENCIA NO RIO
    Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
    DOENÇA GRAVE
    Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat