Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Ônibus escolar recheado de maconha deve passar por perícia

26 Jul 2004 - 15h16
O ônibus escolar, que foi apreendido pela Polícia Federal, com aproximadamente 40 quilos de maconha, deve passar por uma perícia ainda esta semana. A informação é do delegado da Polícia Federal, Guilherme Guimarães Farias, de Ponta Porã, município que fica a 339 quilômetros de Campo Grande.

Uma quadrilha de São Paulo (SP) foi presa por traficar a droga, que estava escondida nas laterais do ônibus. O delegado da Polícia Federal informou que o grupo era, formado por cinco pessoas, e que o ônibus, onde a droga foi encontrada é autorizado pela Prefeitura Municipal da cidade para o transporte de alunos.

Foram presos o dono do ônibus, Alex Rodrigues Novaes, e Cláudia Macieira dos Santos, Cléo Oliveira Gomes de Carvalho, Jéferson Leandro Lopes da Silva e Carlos Aparecido Laurentino Lopes. O grupo veio de São Paulo para Pedro Juan Caballero em um ônibus escolar para buscar maconha.

Os traficantes teriam "recheado" as laterais do veículo, entre a lataria e o forro, com maconha e então entregue aos traficantes brasileiros no dia seguinte.

O delegado informou ainda que com a realização da perícia é possível que mais droga seja encontrada dentro do veículo. “Além do ônibus, temos seis máquinas caça-níqueis que foram apreendidas, que devem passar pela perícia”, afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'