Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 22 de setembro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

MS tem 10º menor índice de registro tardio de nascimento

21 Dez 2004 - 13h26
Mato Grosso do Sul tem um dos menores percentuais de registros tardios de nascimento do Brasil, segundo pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) com base no ano de 2003 e divulgada nesta terça-feira. São 18,81% de registros tardios, a 10ª menor taxa do País, que na média registrou 22,49% de registros tardios.
São Paulo e Santa Catarina foram as Unidades da Federação com as menores proporções, respectivamente, 7,4% e 8,2%. As maiores proporções de registros tardios
foram observadas no Amazonas (51,4%), Pará (49,7%), Maranhão (48,1%) e
Roraima (47,6%). São considerados registros tardios aqueles feitos fora do ano de nascimento da criança e os nascidos vivos no ano de referência e registrados até três meses após a data de nascimento, de acordo com o prazo legal para a efetivação do registro dos nascidos vivos.
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH