Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 22 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

MS e PR voltam a discutir sanidade animal com Paraguai

20 Abr 2007 - 10h53
Os governos de Mato Grosso do Sul e do Paraná voltam a discutir ações conjuntas na área de sanidade animal nas regiões de fronteira entre o Brasil e o Paraguai. Dessa vez a agenda é mais extensiva e conta também com a participação dos ministros da agricultura dos dois países, Reinhold Stephanes e Alfredo Molinas. A reunião acontece durante toda a parte da manhã desta sexta-feira (20), em Foz do Iguaçu (PR), no edifício de produção da Usina Hidrelétrica de Itaipu.  

 

A discussão de políticas para o desenvolvimento das regiões fronteiriças e propostas de ações conjuntas para sanidade agropecuária conta com a participação da secretária de Produção de Mato Grosso do Sul (Seprotur), Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias e do presidente da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), Roberto Bacha; do secretário de Agricultura do Paraná (SEAB), Valter Bianchini; do secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura (MAPA), Inácio Afonso Kroetz; do secretário de Relações Internacionais e do assessor do MAPA, Célio Porto e Newton Ribas, respectivamente; do presidente do Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Animal do Paraguai (Senacsa), Hugo Corrales e do diretor geral da Itaipu Binacional, Jorge Sanek.    

 

Desde os registros de focos de febre aftosa em 2005, Mato Grosso do Sul e Paraná vêm discutindo o assunto e, inclusive, elaboraram um plano de prevenção e combate a doença nos municípios de faixa de fronteira seca, que já foi encaminhado ao MAPA. Após audiência, no início do mês, com o ministro Stephanes, o movimento ganhou o apoio de outros Estados que também vêm sendo prejudicados devido à suspensão das exportações de carne bovina pela Organização Internacional de Saúde Animal (OIE). 

 

 

 

Notícias MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'