Menu
LIMIT ACADEMIA
quinta, 17 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Marinha leva ajuda a ribeirinhos atingidos pela cheia do Pantanal

14 Mai 2007 - 16h10

Cerca de 270 famílias ribeirinhas de Corumbá que moram em uma área de 500 quilômetros no curso do rio Paraguai, entre a Lagoa Gaiva (divisa com Mato Grosso) e o Forte Coimbra, que foram atingidas com a cheia no Pantanal, estão recebendo cestas básicas, lonas, agasalhos e redes. A ajuda é da Prefeitura Municipal, que recorre à Marinha para chegar aos pontos mais isolados no Pantanal. 

Os navios Paraguassu e Piraím, levando técnicos do município e militares do Corpo de Bombeiros, além de médicos e enfermeiros da Marinha, saíram às 8 horas desta segunda-feira da Flotilha da Marinha. O primeiro navegará rio abaixo, até o distrito de Forte Coimbra; a outra embarcação segue ao norte, passando por sete localidades até atingir a Lagoa Gaíva.

Além de medicamentos e vacinas, o município distribui 149 cestas de alimentos, 92 lonas, 670 agasalhos e 147 redes para atender aos ribeirinhos que vivem nos postos Formigueiro, Manga, Morrinho e Esperança e Forte Coimbra. A distribuição será feita por dois agentes da Defesa Civil e um bombeiro, que viajam no navio Paraguassu. Nesta região, a ação segue até o dia 18. As equipes da Prefeitura estão sendo coordenadas pela Secretaria Especial de Integração de Políticas Sociais

Na expedição ao norte, que será concluída dia 21, a Secretaria de Saúde reforça a campanha de vacinação para humanos e cães. Serão atendidas as comunidades de Domingos Ramos, Jatobazinho, Castelo, Porto Mato Grande, Amolar, Porto Alegre, Barra do Cuiabá e Lagoa Gaíva. No início do mês, a prefeitura prestou atendimento de emergência a 116 famílias na região, distribuindo 140 cestas de alimentos, 120 lonas, 640 agasalhos e 150 redes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GASES MORTAIS
Homem morre após segurar peidos na casa da namorada
REALITY SHOW
'BBB 19': Danrley diz ser virgem, e irmã brinca: 'Nem no signo'
ALERTA
Smartphone afeta a saúde mental, e o dano pode começar em crianças de 2 anos!
TRAGÉDIA
“Tentei socorrer ele, mas não deu certo”: conta filho de motociclista levado por enxurrada
FURIA DA NATUREZA
Enxurrada derruba casa e provoca pânico e destruição
NOVELA GLOBAL
Gabriel e Valentina viram inimigos mortais em 'O sétimo guardião'
REALITY SHOW
BBB 19 começa hoje. Na Rocinha Casa de Darnrley vira "QG" de Torcida
POSSE DE ARMAS
Bolsonaro assina nesta terça-feira decreto que facilita posse de armas
HEROINA
Professora Helley, que salvou crianças de incêndio em Janaúba, é homenageada e dá nome a rodovia
FAMOSIDADES
Doente, José Mayer foi esquecido pela Globo e abandonado por ‘Amigos’