Menu
SADER_FULL
domingo, 17 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Ladrões de gado no Pantanal são presos pela PMA

28 Out 2010 - 07h44Por Dourados News

Policiais Militares Ambientais de Corumbá, em fiscalização fluvial na região do “formigueiro” próximo ao município de Ladário, realizaram, na tarde desta quarta-feira, a prisão de Amorésio Costa Soares, de 43 anos, residente em Ladário e Sonio Castello Soares, de 29 anos, residente em Corumbá.

Eles praticavam furtos de gado de fazendas na região da Nhecolândia, no município de Corumbá. Com os ladrões, a PMA apreendeu três bois e um cavalo, todos produtos de furto. Os policiais ainda estão procurando mais gado que teriam sido furtados por eles. Conforme relato dos envolvidos no ilícito, eles já haviam abatido algumas cabeças de gado.

Os proprietários das fazendas foram acionados para verificarem os animais e os identificaram pela marca.

A Polícia Militar Ambiental continua realizando o patrulhamento ostensivo para verificar os possíveis receptadores de carnes provenientes do abate clandestino, bem como, de animais provenientes de furtos, já que existem denúncias da prática de furtos de gados nas regiões da Nhecolândia e Paiaguás.

Amorésio e Sonio foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil, para responder pelos crimes cometidos. (Maryuska Pavão)

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat