Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 24 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Juiz diz que bloqueio a sites pornôs é ilegal

14 Set 2004 - 08h03
O juiz federal Jan Dubois declarou inconstitucional uma lei do estado da Pensilvânia que permite aos provedores de internet bloquearam o acesso a sites de pornografia infantil, alegando que ela fere a liberdade de expressão, garantida pela Primeira Emenda da Constituição dos Estados Unidos.

”A tecnologia usada impede também aos internautas de visitarem páginas que nada têm a ver com o tema”, argumentou Dubois.

John Morris, assessor do Instituto para a Democracia e Tecnologia aplaudiu a decisão de Dubois. Segundo ele, outros estados como Maryland, New Jersey e Oklahoma, que pretendiam seguir o exemplo da Pensilvânia, terão de rever sua posição.

”A lei foi mal elaborada. Cumpri-la, seria o mesmo que proibir o envio de correspondência para um condomínio de apartamentos porque um de seus moradores foi acusado de fazer algo ilícito”, acha Morris.

Os tribunais federais norte-americanos, incluindo o Supremo, já tinham rechaçado várias medidas que reprimiam a pornografia online.

Fonte: IBLNews.

Deixe seu Comentário

Leia Também

A CASA CAIU
Homem pede divórcio ao descobrir que não é pai de nenhum dos nove filhos
ESTADO GRAVE
Homem ateia fogo em mulher e filha de 4 anos 80% do corpo queimado
SURPRESA E FÉ
Homem que morava em uma barraca ganha casa reformada
JUSTIÇA PROPRIAS MÃOS
Suspeito de ter estuprado criança é assassinado por lideranças de bairro
ASSISTA A REPORTAGEM
Família da modelo Mylena Mendes, que morreu em acidente faz protesto no Fórum
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que forjou DNA de Arthur em 'A dona do pedaço'
FOGO NA AMAZONIA
Macron diz que Bolsonaro mentiu, e Europa ameaça retaliar Brasil
TURISMO
Curtir a Cidade Maravilhosa com pacotes de viagens baratos
FUTEBOL - PAIXÃO NACIONAL
Uma estrutura confiável para resultados de futebol
POSSE DE ARMA
Posse de arma em toda extensão da fazenda é aprovada e segue para sanção