Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de junho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Homicida é detido perturbando em Posto de Saúde de F. do Sul

15 Mai 2007 - 12h05

A Polícia Militar de Fátima do Sul, deteve na noite de ontem (14), por perturbação do sossego alheio, na rua Salatiel Barros Cavalcante no Jardim Pioneiro em Fátima do Sul, Dogival Pereira dos Santos, 47 anos vulgo “Deleguti” que se encontrava embriagado e também perturbou as pessoas que estavam no Posto de Saúde.

 

No dia 04 de setembro de 2006, “Deleguti” foi julgado por homicídio doloso, tendo  matado no dia 07 de fevereiro de 2004, sua a amásia Vera Lúcia Rodrigues da Silva, quando na época convivia com a vítima há três meses atingido-a com seis facadas, que acertaram dois golpes na face, dois golpes na região da traquéia e dois golpes no braço da vítima.

 

Após o julgamento a Juíza Kati Brau do Prado, condenou o acusado a 12 anos de regime fechado.

 

O acusado cumprindo pena em liberdade, encontra-se na Delegacia da Policia Civil de Fátima do Sul, que segundo o Delegado Wilson Litter, será aberto um processo de pequenas causas pela ato ocorrido na noite de ontem, paralelamente informando ao Juiz de Execução Penal, que poderá tomar decisão de quebrar do regime, e novamente a ser recolhido e cumprir sua pena em regime fechado.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

INFANTICIDIO
Padrasto teria sentado em cima da cabeça de bebê que morreu,foi espancado na cadeia
SOB INVESTIGAÇÃO
Jornalista do site Lei Seca Maricá foi assassinado com 3 tiros
VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros